Política

Romanelli propõe inserir nascituros na lei que instituiu cuidados paliativos

Assessoria

O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSD) apresentou nesta segunda-feira, 30, projeto de lei que altera uma legislação de 2019 que instituiu preceitos e fundamentos dos cuidados paliativos para doenças severas no Paraná. A proposta é incluir neste serviço os nascituros que forem diagnosticados com patologias graves.

O projeto acrescenta o parágrafo único ao artigo 1º da lei n.º 20.091, com a seguinte redação: “Incluem-se como pacientes passíveis do recebimento de cuidados paliativos, nascituros que apresentem doenças incompatíveis e/ou ameaçadoras da vida, como má-formação congênita, síndromes, doenças crônicas e outros, estendendo-se os cuidados aos seus genitores”.

Na justificativa, Romanelli sustenta que até o momento a lei que trata de cuidados paliativos no Paraná está direcionada à pacientes terminais, com idade avançada ou portadores de doenças debilitadoras. “Propomos deixar clara a necessidade e a importância da oferta de atendimento aos nascituros com diagnósticos adversos, com atenção também aos pais”, afirma o deputado.

A proposição altera outros dispositivos da lei de 2019, como o inciso III do art. 4º, que trata do atendimento multidisciplinar de saúde. O deputado sugere mudar o termo “incentivar”, que está no texto original, por “oferecer” o trabalho em equipe multiprofissional. Romanelli propõe que o suporte deve ser ofertado independente do tempo de vida do paciente e torna obrigatório o início dos cuidados paliativos ainda que haja um diagnóstico perinatal adverso.

O projeto de lei elaborado pelo deputado é uma proposição da associação “Dando Voz ao Coração”, formada por mulheres que tiveram experiências com a terapia intensiva pediátrica. “A sugestão que acatamos é para deixar evidente o direito aos cuidados paliativos aos nascituros com malformações, síndromes ou outros diagnósticos ameaçadores de vida, estendendo esses cuidados também aos seus genitores”, explica Romanelli.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Uia!!!