Destaques

Penitenciária em Ribeirão do Pinhal terá capacidade para 800 presos

Investimento do governo estadual garante automação e tecnológica na unidade

Redação Tribuna/AEN

Se, por um lado, muitos moradores ribeiro-pinhalenses e da região estão se manifestando insatisfeitos e inseguros com a realidade da Penitenciária Estadual Ribeirão do Pinhal (PERP), em construção no Norte Pioneiro, por outro, o Governo tem garantido investimentos tanto para a funcionalidade adequada, como para muita segurança, tanto é que a unidade vai contar com automação e tecnologia, que tende a possibilitar melhor monitoramento e maior segurança, tanto dentro como fora do presídio num investimento total da obra de R$ 51,5 milhões, anunciado na semana passada pelo Governo do Estado.

No último dia 12, a construção teve uma nova etapa iniciada com a concretagem das fundações. A Penitenciária Estadual Ribeirão do Pinhal (PERP) terá área construída de 12.971,02 m² em um terreno de 48.400,00 m² e capacidade para 800 detentos. A execução e administração da obra são de responsabilidade da Diretoria de Edificações da Secretaria Estadual das Cidades (Secid).

O projeto apresenta ainda, além das áreas de segurança, a construção de dois barracões para elaboração de canteiros de trabalho, inclusive de panificação e lavanderia.

A Secretaria da Segurança Pública (Sesp) participou da escolha do terreno, que foi doado pela prefeitura, e se encontra na Rodovia PR-439, próximo ao trevo que liga Ribeirão do Pinhal aos municípios de Abatiá e Santo Antônio da Platina. De acordo com a Sesp, a construção do presídio em Ribeirão do Pinhal facilita a transferência de presos de unidades carcerárias localizadas em outras comarcas da região, como Cambará, Jacarezinho, Londrina e Santo Antônio da Platina, entre outras.

Botão Voltar ao topo