Política

8 de janeiro: “é um dia para lembrar a luta da consolidação e a resistência da democracia brasileira”, afirma Zeca Dirceu.

Líder da bancada do partido do Presidente Lula na Câmara dos Deputados, o deputado federal Zeca Dirceu (PT-PR), classifica o marco do 8 de janeiro como uma data “para lembrar a luta da consolidação e a resistência da democracia brasileira”. Filho de um dos ícones da resistência popular no enfrentamento da ditadura militar no país, o ex-ministro José Dirceu, e testemunha dos fatos mais relevantes da política brasileira nas últimas décadas, Zeca participa do ato histórico no Congresso Nacional com uma carga emocional a mais quanto ao significado do momento atual.

“Há um ano, a democracia brasileira sofria um atentado bárbaro, que expressou o tamanho da irracionalidade por trás dos ataques de ódio e de intolerância contra os poderes públicos da União”, disse o líder da bancada do PT. “Mas há exato um ano também, essas mesmas instituições resistiram bravamente, deram exemplo ao mundo e garantiram, sem margens à impunidade e com a necessária decisão de responsabilizar à altura os promotores do caos, que o poder que emana do povo sobrevivesse e se fortalecesse ainda mais a partir desse episódio”, completou.

Para ele, a lembrança do dia 8 de janeiro precisa permanecer viva na história do povo brasileiro, não pela tentativa de golpe de estado e pelos horrores da destruição e violência praticadas em si, mas para que essas cenas não se repitam e que se enalteçam a garra e a reação de todas aquelas pessoas que prezam pela democracia e pelo respeito às instituições que representam o poder popular. “Vamos relembrar essa data para que cenas tristes de depredação do patrimônio público, de destruição, de tentativa de golpe e de ameaça à integridade das pessoas nunca mais ocorram no nosso país, nem sejam minimamente toleradas”, concluiu Zeca.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Uia!!!