Cambara

Tiro de Guerra inicia atividades de 2022

Prefeito Neto e o vice, João Del Col participaram da solenidade da abertura das atividades

Por Graça Maria.

Uma cerimônia com a presença do prefeito Neto Haggi, comandante do órgão em Cambará, Subtenente Fabrício André Zanetti, e do vice-prefeito João Luiz Del Col, na noite desta sexta-feira 04 de março, deu início as atividades do Tiro de Guerra 05 – 001, no ano de 2022.

O órgão militar, comandado pelo subtenente Fabrício André Zanetti, recebeu as matrículas de 50 novos atiradores e historicamente tem relevante participação na vida social da comunidade cambaraense.

Na ordem do dia, Zanetti fez a leitura da mensagem do comandante do Exército, general de Exército Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, saudando a entrada dos novos atiradores para a corporação, e como chefe de instrução, motivou os matriculados sobre as muitas possibilidades que um ano de atividades no Exército lhes proporcionará. “Depois deste ano vocês sairão diferentes, mais fortes com os novos aprendizados”.

O instrutor pediu aos familiares dos jovens que lhes deem suporte durante o ano de atividades militares, para que prossigam encorajados até o final.

O prefeito Neto Haggi, diretor de ensino honorífico do Tiro de Guerra de Cambará, deu as boas-vindas ao novo comandante do órgão, sua esposa Iara, e seu filho Andrei em nome da comunidade cambaraense, lembrando que é um grande orgulho para o município ter esta célula militar oficialmente desde 1941. “No Paraná somente 19 municípios contam com um Tiro de Guerra. Nós somos privilegiados por sermos um deles”.

O vice-prefeito João Luiz Del Col, saudou os novos matriculados do Tiro de Guerra de Cambará, e desejou um ano de muito aprendizado, com bom aproveitamento das ações que serão desenvolvidas. Ao final, o pároco Antonio Carlos Qualia, proferiu uma benção a todos os presentes.

Participaram ainda da cerimônia, os secretários municipais dos Esportes e Lazer, Mauro Carvalho (Chumbo), e da Educação e Cultura, Francieli Axman Tavares Duarte; Luiz Carlos Batistela, chefe da Guarda Municipal; Beto Zanon, presidente da Associação Comercial e Empresarial de Cambará; Walcir Joaquim, representando a Câmara de Vereadores; o professor Luciano Cornas, trabalhador voluntário do Tiro de Guerra; o soldado Manzato, representando a Polícia Militar; Carlos Cost,a da Defesa Civil; Sérgio Pedroso, secretário da Junta Militar de Cambará; e, pais e familiares dos novos soldados.

Informações repassadas na cerimônia dão conta, que o Tiro de Guerra de Cambará formou a primeira turma de atiradores em julho de 1941. Subordinado à 5ª Região Militar (Região Heróis da Lapa) com sede em Curitiba/PR, até o ano de 2021, formou aproximadamente 3.200 atiradores.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Uia!!!