Agronegócios

Produtores do estado devem colher 873,4 mil sacas de café arábica

Assessoria

A produção de café no estado do Paraná está estimada em 873,4 mil sacas do produto do tipo arábica. O resultado é reflexo direto da menor área em produção da cultura. Se no ano passado os agricultores destinaram 35,68 mil hectares para a cultura, neste a área chegou a 33,25 mil hectares, redução de 6,8%. Já a produtividade se manteve praticamente estável, com uma ligeira queda de 0,5%, ficando em 26,3 scs/ha. Os dados foram divulgados nesta semana pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), durante o 3º Levantamento da Safra de Café 2021.

Mesmo com uma produtividade próxima à estabilidade, o clima alterou o rendimento e a qualidades dos grãos obtidos. O déficit hídrico, registrado ao longo de 2020, afetou o potencial produtivo desta safra. Além disso, os eventos climáticos adversos, como estiagens prolongadas e incidência de geadas, aceleraram o ciclo e as operações de colheita.

Parque cafeeiro no estado – O Paraná registra um aumento de 6,6% em seu parque cafeeiro, totalizando 146,3 mil covas. Tanto as covas em produção, como as em formação registraram crescimento. As primeiras passaram de 127.800 mil para 133.000 mil, elevação de 4,1%. Já a ampliação das covas em formação chega a 41,5%, passando de 9.400 mil para 13.300 mil.

Outras informações sobre a safra de café nos demais estados brasileiros podem ser acessadas no site da Companhia.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto:

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios