Cadernos

Polícia procura acusado de espancar mulher grávida de 7 meses

Em razão das agressões, vítima perdeu o bebê; agressor é considerado foragido da justiça

Polícia Civil divulgou foto do acusado de agressão à companheira grávida

Da Redação

A Polícia Civil de Santo Antônio da Platina divulgou a foto do homem acusado de espancar a esposa grávida de sete meses, em um crime ocorrido em outubro do ano passado e que resultou no aborto pelas diversas lesões causadas à vítima.
Claudair José Proença, de 35 anos, é procurado pela justiça após o caso ser encerrado e ele ser indiciado pelo crime de lesão corporal gravíssima, com pena de reclusão de dois a oito anos. A prisão preventiva já foi expedida, mas até o momento ele não foi localizado.
A Polícia Civil orienta que quaisquer informações que possam levar ao paradeiro de Claudair sejam informadas através do telefone (43) 3534-8909 ou mensagens pelas redes sociais da Delegacia de Santo Antônio da Platina. Denúncias também podem ser feitas à Polícia Militar, via telefone 190.

CRIME
O crime pelo qual Claudair é acusado aconteceu no dia 23 de outubro. Conforme apurado na investigação da Polícia Civil, ele teria chegado embriagado em sua residência e agredido a companheira, uma mulher de 33 anos, com socos e chutes na barriga.
A vítima precisou ser hospitalizada, mas mesmo com os cuidados médicos a gestação acabou interrompida.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto:

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios