Geral

Pipeline investe em franquia de quiosque

Fabricante de piscinas é a única com tecnologia plug and play e pretende abrir 50 unidades franqueadas

Assessoria

As piscinas deixaram de ser um artigo de luxo para se tornar um item essencial de lazer durante o isolamento social. Sem poder sair de casa, os investimentos na área externa das casas dispararam. Por isso, a Pipeline Piscinas, empresa detentora da tecnologia patenteada plug and play, decidiu apostar no segmento de franquias para dar suporte a todo o seu crescimento.

O Brasil é o segundo maior mercado consumidor de piscinas do mundo. Cerca R$ 4,5 bilhões são movimentados todo ano, segundo dados da Associação Nacional das Empresas e Profissionais de Piscinas (ANAAPP). Em um mercado tão próspero, a preocupação em entregar um produto de alto padrão com fácil instalação, sempre foi o principal norteador da empresa.

Fundada em 1997, pelos irmãos João Paulo e Vitor Hugo Campana de Oliveira, a empresa está sediada em Cambará, no Paraná, e sempre apostou em inovação e tecnologia como diferencial competitivo. “O processo tradicional, de alvenaria, leva, no mínimo, 60 dias. Isso, se correr tudo bem. Passada a fase da obra, problemas como vazamentos e infiltrações são comuns, fazendo com que aquilo que era para ser diversão acabe se tornando um aborrecimento. Trabalhamos para romper esse padrão”, explica o CEO, João Paulo.
Tanto que, em 2010, a Pipeline lançou um novo conceito em piscinas: o plug and play. Por meio dessa tecnologia própria, patenteada, a empresa entrega um produto completo, onde a casa de máquinas já vem acoplada ao corpo da piscina. Isso significa que a instalação pode ser feita em apenas um dia, sem a necessidade de mão de obra especializada. Todos os modelos contam deck; hidromassagem e dispositivo de segurança como itens de série.
Além disso, as quatro linhas de piscinas – que possuem diferentes versões, totalizando 24 produtos – são fabricadas com fibra de vidro com resina isoftálica, mesma matéria utilizada na fabricação de lanchas e barcos, o que garante muito mais qualidade ao produto e um baixo custo de manutenção. “As piscinas de fibra de vidro convencionais tendem a ficar opacas e perder resistência com o tempo. Com a nossa tecnologia, a durabilidade é muito maior”, orgulha-se o CEO.
Com uma trajetória de sucesso, a empresa dispõe de mais de 40 pontos de venda espalhados pelas regiões Sul e Sudeste do Brasil. Desses, muitos são próprios, no formato de loja de rua, shopping e quiosque. O quiosque deu tão certo que a empresa decidiu investir no modelo de franquia.
Os benefícios de ser um franqueado são enormes. Com operação simplificada, o investimento é de R$ 125 mil e o retorno varia de 12 a 24 meses, com um faturamento médio mensal de R$ 100 mil. A empresa cobra apenas 1% de royalties sobre a compra e não há fundo de marketing.
Um dos grandes atrativos da marca são as vantagens oferecidas pela franqueadora nas despesas com o aluguel. “Nós pagamos 80% do aluguel dos quiosques no primeiro ano. A partir do segundo ano, depois que o franqueado estiver bem estabilizado, arcamos com a metade dos custos e ele com a outra metade. É a nossa forma de mostrar que somos parceiros, estamos juntos!”, afirma João Paulo.
A seleção dos franqueados envolve três etapas. Na primeira fase, a empresa avalia a viabilidade da cidade de interesse do candidato. Uma vez alinhados, a segunda etapa consiste em validar a situação financeira e jurídica para, então, conhecer mais sobre do negócio e ter experiência em uma loja. Com todos esses requisitos aprovados, o pré-contrato é assinado, dando início ao processo de implementação do quiosque.
O negócio proporciona altos lucros a um baixo investimento, já que não há necessidade de estoque. Com um mercado tão próspero, as perspectivas da empresa são grandes. A intenção é ter 50 unidades na primeira fase de expansão. Para atender a essa nova demanda, a empresa planeja a inauguração de mais uma fábrica ainda esse ano, em Jacarezinho, no interior do Paraná. “Buscamos franqueados que tenham um bom perfil comercial e estejam dispostos a crescer com a gente. O mercado de piscinas no Brasil é forte e, estamos investindo cada vez mais para entregar produtos de qualidade para nossos clientes”, finaliza o CEO.

Sobre a Pipeline Piscinas:
http://franquiapipeline.com.br/site/form.php
Investimento total: Quiosque a partir de R$ 125 mil
Taxa de franquia: R$ 50 mil
Royalties: 1%
Fundo de marketing: Não cobra
Número de funcionários: 3
Faturamento médio mensal: R$ 100 mil
Retorno sobre o investimento: De 12 a 24 meses

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Uia!!!