Wenceslau Braz

Paulo Leonar nega que esteja inelegível

Ex prefeito de Wenceslau Braz ainda afirma ser pré-candidato a deputado 

Da Redação 


O ex-prefeito de Wenceslau Braz, Paulo Leonar, negou que tenha ficado inelegível em virtude da reprovação das contas da prefeitura referentes a 2017, primeiro ano de seu mandato como gestor municipal. De acordo com ele, como foi um problema técnico, a desaprovação não o caracteriza como ficha suja.

“Tivemos um problema causado pela queda de arrecadação logo no primeiro ano de mandato, mas foi sanado, não houve fraude ou corrupção, então não estou inelegível”, garantiu Paulo Leonar em contato com a reportagem da Tribuna do Vale.

O ex prefeito teve o balanço de 2017 reprovado pela câmara de vereadores durante esta semana. Os vereadores, de forma unânime, usaram como critério o parecer do Tribunal de Contas do Estado (TCE/PR) e votaram pela desaprovação do exercício em questão.

Segundo o TCE, a desaprovação foi motivada pelo déficit orçamentário de fontes não vinculadas a programas, convênios, operações de crédito e regime próprio de previdência social (RPPS), representando 6,35% das receitas arrecadadas -percentual superior aos 5% tolerados pelo Tribunal. Além disso, foi anotada ressalva ao atraso no encaminhamento de dados ao Sistema de Informações Municipais – Acompanhamento Mensal (SIM-AM) relativos a janeiro daquele ano, que extrapolou o limite de 30 dias tolerados pela Corte.

Coincidentemente, dos últimos seis prefeitos de Wenceslau Braz, apenas um não teve problemas judiciais posteriores referentes à gestão: José Álvaro Gemin, prefeito por duas oportunidades entre a década de 80 e o começo da década de 90.Depois, Cezar Santucci, Carolina Batistão de Souza, Cristóvam Andraus Júnior, Atahyde Ferreira dos Santos Júnior. O Taidinho (que agora é novamente o prefeito municipal) e Paulo Leonar enfrentaram algum tipo de denúncia e/ou processo após deixar o cargo de gestor.

Deles, porém, o único a ficar inelegível foi Cristovam, que teve contas reprovadas em 2013 referentes a sua gestão (2005/2008) e perdeu os direitos políticos por oito anos. 

PRÉ CANDIDATO

Paulo Leonar, além de garantir sua elegibilidade, também confirma que é pré-candidato a deputado nas eleições do ano que vem, o que mostra sua intenção de permanecer na política após a derrota nas eleições do ano passado, quando tentou a reeleição, mas foi vencido por Taidinho com grande diferença de votos.

Se a pré-candidatura for efetivada, seria a segunda vez que Paulo Leonar disputa uma eleição para deputado. Em 2014 foi candidato a deputado federal, conquistado 5.146 votos.

Deixe uma resposta

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto:

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios