Destaques

No dia mundial da café, Romanelli destaca qualidade da produção do Norte Pioneiro

Assessoria

Nesta quinta-feira, 14, dia mundial do café, o deputado Luiz Claudio Romanelli (PSD) destacou a qualidade da produção cafeeira do Paraná, em especial da região do Norte Pioneiro. “O café é uma bebida que faz parte da vida do brasileiro. O Paraná tem tradição no cultivo com um produto que ganha mercados mundo afora”.

“Destaco o Norte Pioneiro, uma região que mais vem ganhando prêmios nacionais e tem o registro de indicação geográfica do Inpi (Instituto Nacional de Propriedade Industrial). Vamos valorizar, pois é um produto de alta qualidade. Parabéns aos cafeicultores paranaenses!”, completou

No Paraná, são entre 5 mil a 7 mil propriedades de café – 62% se concentram no Norte Pioneiro em 15 associações de produtores. “A região se destaca há muitos anos pela qualidade do café que produz. As categorias de cafés finos naturais e cafés especiais de cereja descascados estão se tornando cada vez mais competitivas perante os demais cafés classificados das outras regiões cafeeiras”, disse Romanelli.

“A capacitação dos cafeicultores nas tecnologias de produção, o aumento da produtividade e a obtenção de mais cafés maduros, além do uso da mecanização visando baratear os custos de produção, tornarão o café do Norte Pioneiro ainda mais competitivo e melhorarão sua qualidade”, acrescentou.

Mulheres – Romanelli lembra que n ano passado, a Assembleia Legislativa homenageou a Associação das Mulheres do Café do Norte Pioneiro. Desde 2013, a associação integra o projeto de capacitação na produção de cafés especiais. São 250 famílias, chefiadas por mulheres, que exportam a produção para o Chile, Japão, EUA e países europeus.
.
“Acompanho o trabalho realizado pela associação em 11 municípios do Norte Pioneiro. A região já foi um grande maciço de cafezais e agora com as mudanças climáticas, a produção se deslocou para um café de qualidade”, disse.

Romanelli afirma que a qualidade do solo da região, um dos melhores do mundo, evidencia ainda o trabalho dedicado dos produtores. “São basicamente pequenos cafeicultores, que trabalham em áreas de cinco a seis hectares e que precisam de assistência técnica, pesquisa, crédito rural e equipamentos para colheita para que o café do Norte Pioneiro seja cada vez mais reconhecido – nacionalmente e internacionalmente”, afirmou.

O prefeito de Carlópolis, Hiroshi Kubo (PSD), cumprimentou todos os segmentos envolvidos na cadeia produtiva do café que vai até a exportação. “Carlópolis é referência estadual pela qualidade e tecnologia empregados na produção de café”.

“Cumprimentamos a todos que preparam o cafezinho nas cafeterias, padarias, restaurantes, nas conveniências, postos das estradas. Cumprimentamos os produtores de café pelo seu trabalho determinado que melhora a cada ano a produtividade e a qualidade do nosso café. Carlópolis já é o maior município na produção de café do Paraná, gerando riquezas, empregos e renda.”, completou.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Uia!!!