Siqueira Campos

Viveiro participa de campanha de apoio à Comunidade Terapêutica

Projeto visa ocupação de internos na produção de frutas e verduras como suporte do tratamento  

Agência Criativa – David Batista


A Comunidade Terapêutica Novo Horizonte, de Siqueira Campos, em parceria com o Projeto Criança Feliz, desenvolvido no município, iniciaram esta semana um projeto que visa à utilização de internos na produção de uma horta e plantio de árvores frutíferas. 

O objetivo da parceria é a introdução de atividades ocupacionais aos internos que estão em tratamento de dependência química, principalmente uso de drogas e álcool. Além da questão terapêutica, as atividades proporcionam a produção de alimentos para a manutenção da casa. 

Como o trabalho da Comunidade Terapêutica é filantrópico, a equipe tem buscado parceiras com entidade para a formação de um pomar e horta, encontrando no Balneário da Alemoa seu primeiro parceiro, o Viveiro de Mudas Beira Rio que fez doação de 60 mudas frutíferas.

A equipe foi recebida pelo proprietário Gentil dos Santos e o filho Marcos Antonio dos Santos, que manifestaram sua alegria em participar do projeto. “Fico feliz em ter sido procurado para contribuir com um projeto tão importante. Estar sempre à disposição e num futuro próximo ver, na prática, o resultado desse trabalho”, disse Gentil. 

O pastor Luiz Meira, que faz parte do projeto, disse estar emocionado com a atitude do proprietário do viveiro pela doação das mudas. “Nosso projeto já começa a tomar forma”, assinalou. 

Giovani Santos destacou a importância de os internos em trabalhar a terra como suporte ao tratamento. “Este é um sonho que agora se torna realidade com a ajuda do senhor Gentil e do Marcos que deixaram seus afazeres para tão bondosamente nos atender”, disse.

O Viveiro Beira Rio que atua no ramo de produção mudas frutíferas, ornamentais e agricultura há 45 anos, está localizado as margens da represa de Chavantes, no Balneário da Alemoa e emprega 12 trabalhadores diretamente e em torno 15 indiretamente na época da preparação das sementes de manga, entre outras plantas frutíferas. A produção do viveiro atende o mercado brasileiro e já exportou para a África com a comercialização de 40 mil mudas de manga.

Deixe um Comentário