Santo Antônio da Platina

Santo Antônio inicia 2019 sem casos confirmados de dengue

Em 2018 o Departamento de Vigilância em Saúde registrou 53 casos suspeitos e somente um confirmado

Agentes de endemias já estão se programando para novas ações neste ano no combate do mosquito Aedes Aegypti. FOTO: Antônio de Picolli

Dayse Miranda, especial para Tribuna do Vale


Apesar do estado do Paraná estar em situação de alerta, devido ao aumento de casos de dengue, o município de Santo Antônio da Platina iniciou o ano sem qualquer caso confirmado até o momento. De acordo com o Departamento de Vigilância em Saúde, até o último boletim foram registrados apenas três casos suspeitos, que foram encaminhados para exames laboratoriais teste reagente feito pelo LACEN (Laboratório Central do Estado do Paraná). Em 2018 o município contabilizou 53 casos suspeitos de dengue e somente um confirmado, sendo considerado importado (paciente reside no município, mas que contraiu a doença em outra cidade).

Segundo a diretora do Departamento, Tatiane Néspoli Cabrera, os testes rápidos de laboratórios particulares não são contabilizados pela vigilância epidemiológica sem a confirmação do LACEN. Por isso qualquer caso de suspeita de dengue deve ser notificado à vigilância epidemiológica, mesmo que o paciente não for atendido na rede pública. Ela ressalta que por mais que o município não tenha casos confirmados até o momento, é importante a prevenção para evitar novos focos do mosquito Aedes Aegypti.

A orientação é simples: eliminar recipientes que possam ter acúmulo de água, onde o mosquito se prolifera. Uma simples tampinha de garrafa já pode ser um criadouro. Portanto, recomenda-se manter caixas d’água tampadas, calhas limpas (de modo que a água possa escorrer e não se acumular), eliminar pratos de vasos de plantas, guardar garrafas de boca para baixo, eliminar pneus velhos ou armazená-los em locais cobertos, lavar com frequência recipientes que armazenem água e em linhas gerais evitar qualquer forma que ocasione acumulo de água.

Tatiane destaca que o Setor de Combate a Endemias desenvolveu durante 2018 várias ações educativas em parceria com a Secretaria de Educação e já estão se organizando para novas ações neste ano. “Lembrando que a empresa que quiser desenvolver alguma atividade educativa, nós estamos à disposição, porque a prevenção contra a dengue é uma responsabilidade de todos nos platinenses”, enfatizou a diretora.

DADOS – O município de Uraí (localizado a 118 quilômetros de Santo Antônio da Platina), com aproximadamente 11 mil habitantes, já registrou 33 casos confirmados de dengue, desde agosto de 2018. No Paraná o total é de 129 casos em apenas 33 municípios. As regiões Norte e Noroeste do Estado carecem de mais atenção devido a circulação mais intensa do vírus.

Deixe um Comentário

%d blogueiros gostam disto: