Cambará Paraná Saúde

Santa Casa de Cambará vai receber R$ 1,3 milhão para obra do centro cirúrgico

De: Secretaria da Saúde Paraná


O secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, esteve em Cambará nesta quinta-feira (28) e garantiu, juntamente com o vice-governador Darci Piana, a construção do centro cirúrgico da Santa Casa do município. Serão investidos R$ 1,3 milhão em estrutura que vai reforçar o atendimento de média e alta complexidade.

O anúncio aconteceu no lançamento da Câmara da Mulher Empreendedora e Gestora de Negócios de Cambará.
“A lógica do governo é fazer o atendimento regionalizado da saúde. Por isso, quando a gente vem aos municípios anunciar novos investimentos e ampliação de serviços, estamos cumprindo aquilo que foi determinado pelo governador Ratinho e pelo vice Piana. Tenho certeza que a Santa Casa de Cambará vai ampliar ainda mais a capacidade de atendimento e permitir que as pessoas sejam atendidas perto do local onde moram”, disse o secretário.

A obra de Cambará faz parte de mais um pacote de recursos liberados pelo Governo para os hospitais filantrópicos, na próxima terça-feira (3), no Palácio Iguaçu, em Curitiba, pelo governador Ratinho Júnior. Além de obras, haverá ainda a destinação de investimentos para aquisição de equipamentos para mais 32 instituições. “Quando discuti com o secretário Beto Preto sobre a Santa Casa, ele prontamente solicitou o projeto, que foi apresentado e agora vai sair. Será uma grande ampliação no hospital. Isso tem sido pelo Estado todo, temos liberado recursos para todos os municípios. Resultado de planejamento da gestão”, destacou Piana.

O prefeito de Cambará, José Salim Haggi Neto, ressaltou a importância da existência da Santa Casa para o município. Segundo ele, a possibilidade do Hospital crescer é reflexo da demanda em saúde, que aumenta a cada dia. “A história da Santa Casa é relevante para a nossa cidade, porque nela são feitos muito procedimentos e demonstram que é preciso ampliar ainda mais o acesso à saúde. Agradecemos ao governo pela iniciativa”.

Representando a Comissão Organizadora da Construção do Centro Cirúrgico da Santa Casa, o empresário Luís Dias relatou a agilidade para o trâmite da documentação e da viabilidade da obra, que foi levada ao vice-governador. “Foi um processo extremamente organizado. E tão logo finalizado, procuramos o governo para dar andamento do pleito. E hoje temos o sinal verde”.  

Deixe um Comentário