Cambará Eventos

Rede Bourbon inaugura o único 4,5 estrelas do Norte Pioneiro

Investimento estimado é de mais de R$ 10 milhões e põe Cambará na rota de hospedagem de qualidade

Da redação, Hotelier News e Gazeta do Povo


Em clima de emoção e festa foi inaugurado na tarde de ontem (11) a nova unidade da Rede Bourbon de Hotéis & Resorts, o Bourbon Cambará Business Hotel, o único categoria 4,5 estrelas do Norte Pioneiro do Paraná, sediado em Cambará, cidade natal do fundador da companhia, Alceu Ântimo Vezozzo, que esteve presente ao evento.

A solenidade contou com a presença de personalidades do mundo político e empresarial local e do Norte do Paraná. Lideranças locais, como o prefeito Neto Haggi e o empresário Antônio Luz Dias, entre outros, marcaram a concorrida solenidade de inauguração.

O hotel possui 80 apartamentos distribuídos em oito andares, dois espaços gastronômicos e duas salas de eventos. O empreendimento era um sonho antigo do empresário, que também preside o Instituto Bourbon de Responsabilidade Socioambiental, composto pelo Complexo Escolar Caetano Vezozzo e Angelina Ricci Vezozzo, da Vila Rotary de Cambará.

Vezozzo foi diretor de Rotary Internacional de 2001 a 2003. Em 1º de dezembro, a rede – que está completando 55 anos – passou a operar o Bourbon Santos Convention Hotel. Para o primeiro semestre de 2019 está prevista a abertura do Rio Hotel by Bourbon Campinas, outra marca da empresa. Além de hotéis próprios e administrados no Brasil, a Rede Bourbon está presente em Buenos Aires e Assunção. O hotel inaugurado ontem é 11º empreendimento da empresa no estado.

De perfil corporativo, o hotel tem 80 apartamentos, dispostos em oito andares. A estrutura completa tem 4.191 metros quadrados (m²), com dois espaços gastronômicos, duas salas de eventos e estacionamento. No total, o staff do empreendimento contará com 32 funcionários.

A região onde está localizada também justifica seu propósito corporativo. O hotel tem fácil acesso à prefeitura local, bem como a comércio, bancos, bares e restaurantes da cidade.

Bourbon: ação social

Completando 55 anos, a Bourbon Hotéis e Resort faz também uma homenagem. Cambará é a cidade natal de Alceu Ântimo Vezozzo, empresário fundador da empresa que, além do hotel, possui o Instituto Bourbon no local.

O projeto realiza movimentações de cunho social. A ideia é de um programa de resgate social por meio da construção de moradias, centros de formação profissional e escolas na cidade.

O Hotel, além de sua função natural, passa a ser uma extensão de escola de hotelaria mantida pela Fundação Bourbon em Cambará. O centro de formação técnica que funciona na Escola Profissionalizante Prof. Milton de Faria Ribeiro possui mais de 1.600 metros quadrados de área, distribuídos em três pavimentos. A construção faz parte do planejamento do Instituto Bourbon de Responsabilidade Socioambiental, programa social da Bourbon Hotéis & Resorts, que tem o objetivo de criar oportunidades para os jovens da cidade.

O projeto teve início em 2002 com a construção de 80 casas em alvenaria, de 43 metros quadrados cada. Nesta época também já existia o Grupo Escolar inicial – Escola Caetano Vezozzo. Hoje a escola conta com mais de 880 alunos no Ensino Fundamental.

O Instituto Bourbon atua em parceria com empresas e com a prefeitura para manter os projetos, que somam duas escolas e 80 casas populares construídas. A ideia do programa surgiu quando o fundador da rede, Alceu Vezozzo, que tem uma relação muito próxima com Cambará, identificou na cidade uma situação de carência. Sua ideia era melhorar a qualidade de vida dessas pessoas, oferecendo-lhes moradia e educação.

Os planos do instituto seguem aumentando. Para os próximos anos a ideia é que o projeto cresça e ajude ainda mais pessoas na cidade. “Com muito trabalho e estudo o projeto tomou forma e, aos poucos, os parceiros abraçaram a ideia. Agora colhemos mais um fruto com essa inauguração”, comemora o presidente do instituto.

A Escola Profissionalizante Prof. Milton de Faria Ribeiro espera atender mais de 1.200 jovens e adultos, num futuro próximo, no ensino profissionalizante, com convênios junto ao Senac, Senai, Senar e Sesi.

Deixe um Comentário