Geral

Professores participam de palestra sobre Base Nacional Comum Curricular

Da Assessoria


Professores de Ibaiti, Conselheiro Mairinck e Pinhalão participaram do evento
CRÉDITO: Divulgação

No último dia 23, os professores da rede municipal de ensino dos municípios de Ibaiti, Conselheiro Mairinck e Pinhalão participaram de uma palestra ministrada pela professora Marcia Aparecida Alferes com o tema: “BNCC – Base Nacional Comum Curricular: do texto a implementação”. O evento ocorreu no Espaço Cultural Dini de Moura Fadel.

A Base Nacional Comum Curricular já foi aprovada e todos os cidadãos, em especial os envolvidos com a educação necessitam conhecê-la para colocá-la em prática. Esse é um documento elaborado a partir de um estudo muito rigoroso, baseado nos desejos da população que preza pela educação de qualidade. É um trabalho que vem sendo elaborado há mais de 40 anos, com o envolvimento de milhões de pessoas. Não é uma Lei, mas uma Resolução com força de Lei.

Diante dessa preocupação e pensando na efetividade da educação de qualidade, o Conselho Nacional de Educação aprovou no dia 15 de dezembro de 2017 a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), documento normativo que estabelece com clareza os processos essenciais que os alunos devem desenvolver em cada etapa da educação básica brasileira, assegurando os seus direitos de aprendizagem.

Sendo assim, o Brasil terá pela primeira vez uma BNCC do ensino fundamental e médio, que servirá de parâmetro para a construção dos currículos pelas escolas e redes de ensino. A Secretaria Municipal de Educação de Ibaiti, em parceria com a Faculdade Cidade Verde, proporcionou esse momento de reflexão aos professores.

Marcia Aparecida Alferes desenvolveu sua palestra com excelência, articulou de forma extraordinária a teoria com exemplos ilustrativos, estimulando e facilitando a compreensão dos professores.

A secretária Municipal de Educação, Zélia Aristides de Carvalho, agradeceu a participação e envolvimento de todos que participaram do evento, em especial a parceria com a FCV.

Deixe um Comentário