Carlópolis Geral

Polícia prende quadrilha de assaltantes em Carlópolis

Criminosos renderam e agrediram um morador no início da madrugada e roubaram a vítima

Da Redação com Assessoria 


Quatro integrantes de uma quadrilha de assaltantes responsável por um roubo a uma residência em Carlópolis, na madrugada desta sexta-feira (20), foram presos por policiais militares do 2º Batalhão de Jacarezinho e investigadores da Polícia Civil de Carlópolis e do Estado de São Paulo.

Equipes da Rotam, Rádio Patrulha e Agência de Inteligência se deslocaram para o município, onde após buscas na mata, estradas rurais e região do bairro Pinheirinho localizaram e prenderam quatro dos seis autores do crime (31, 22, 22 e 20 anos de idade). 

Os suspeitos confirmaram a autoria do roubo. A quadrilha foi identificada, sendo todos os integrantes do Estado de São Paulo. Um deles confirmou que tem passagem policial por roubo. Os demais não se manifestaram. 

Também foram recuperados os dois veículos utilizados pelos assaltantes: uma VW/Amarok e um Toyota Corola, ambos roubados na cidade de Pirajú/SP. De acordo com os criminosos, os produtos roubados em Carlópolis estavam dentro a Amarok.  

Os assaltantes foram apresentados na Delegacia de Polícia de Carlópolis.  As equipes da PM continuam no encalço dos outros dois autores do crime.  

Sobre o Roubo

O roubo ocorreu na cidade Carlópolis, por volta das 00h10 da madrugada desta sexta-feira (20), quando seis marginais, armados, renderam o morador (26 anos) quando ele chegava a sua casa, com sua esposa, após uma confraternização. 

Os marginais renderam a vítima e o agrediram na cabeça com coronhadas de arma de fogo (pistola), socos e chutes. Enquanto alguns membros da quadrilha seguravam o morador, os demais subtraíram objetos da casa: televisor, notebook, aparelho celular, carteira contendo documentos, entre outros.

Na sequência, os marginais se evadiram numa caminhonete VW/Amarok e um Toyota/Corolla, sendo constatado logo após que os veículos também eram produtos de roubo na cidade de Piraju/SP. 

Os marginais ainda tentaram usar o cartão de crédito da vítima na cidade de Carlópolis. 

Deixe um Comentário