Jacarezinho

PM à paisana evita homicídio em Jacarezinho

Soldado Luciene Silva de Souza
CRÉDITO: Arquivo

Portal JNN


Uma policial militar à paisana (sem farda) evitou a consumação de um homicídio neste fim de semana, em Jacarezinho. O fato aconteceu no sábado (9), por volta das 18h30, na praça da Vila São Pedro. Um dos homens envolvidos na confusão foi atacado por um golpe de faca.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, a soldado Luciene Silva de Souza avistou uma briga em que um suspeito desferia golpes de faca em um homem na praça. Ela deslocava do 2° Batalhão para a Vila São Pedro, onde deixaria crianças de um projeto social da PM, o qual é a instrutora.

Quando percebeu a confusão e o homem com a faca golpeando o desafeto, a soldado Luciene, que estava à paisana, se identificou como policial militar e deu voz de abordagem à dupla, que correu em sentido oposto um do outro.

Luciene conseguiu alcançar o homem que estava com a faca e o imobilizou. O outro envolvido foi alcançado e detido com apoio da Rádio Patrulha, que chegou ao local em seguida. Eles foram encaminhados ao Pronto Socorro, pois um dos envolvidos estava com uma lesão provocada pela facada, na região da axila direita. O ferimento foi suturado pelo médico de plantão. 

Durante a abordagem a soldado Luciene foi agredida com um chute na região do joelho, desferido pelo homem que estava com a faca. Ela também foi atendida no Pronto Socorro e precisou de imobilização com gesso.

A dupla foi encaminhada na sequência à 1ª Companhia da PM, onde foi realizado o boletim de ocorrência. O envolvido ferido alegou que bebia em um bar quando o desafeto chegou por trás e o atacou com uma faca.

A Polícia Civil entendeu que o caso deve ser tratado como lesão corporal leve e a PM foi orientada a realizar o termo circunstanciado. A faca usada no crime foi apreendida.

Deixe um Comentário