Santo Antônio da Platina

Os ataques à imprensa em tempos de coronavírus

Da Assessoria


Esta semana, mais uma vez, veículos de comunicação de Santo Antônio de Platina e região foram alvo de ataques sórdidos nas redes sociais por pessoas desinformadas e que desconhecem os protocolos de atendimento a pacientes suspeitos de terem contraído a covid-19, popularmente conhecida por coronavírus.

Na semana passada, não só os veículos de comunicação, mas profissionais da saúde também foram alvo de ameaças por parentes de pacientes com sintomas da doença que não admitem a possibilidade de infecção por coronavírus em seus entes queridos.

Nesta semana, a revolta ocorreu após divulgação de notícia sobre um paciente de 54 anos que deu entrada no Pronto Socorro de Santo Antônio da Platina, onde precisou ser entubado e depois transferido para a UTI de Jacarezinho.

Segundo a autora da publicação, que classifica como ‘TUDO MENTIRA’ as informações apuradas e divulgadas pelo Tá no Site e a Tribuna do Vale, o paciente teve apenas uma convulsão.

Salientamos que os veículos de comunicação em questão, assim como os profissionais de saúde, agem com ética ao preservar a identidade de pacientes suspeitos, o que faltou à autora dos ataques tentando desmoralizar o trabalho da imprensa para informar a população.

A autora deveria ao menos contatar os veículos de comunicação para eventuais esclarecimentos necessários, o que não é o caso, tendo em vista que em razão da pandemia global de coronavírus os cuidados foram redobrados e pacientes com sintomas da covid-2019 estão sendo monitorados para minimizar a disseminação da doença.

Quanto aos ataques aos profissionais de imprensa, o Portal Tá no Site e a Tribuna do Vale informam que estão sendo tomadas as medidas jurídicas cabíveis.

Já em relação ao paciente entubado e transferido para a UTI de Jacarezinho, torcemos para que realmente tenha sido apenas uma crise de epilepsia.

Deixe um Comentário