Carlópolis

Oposição quer chapa única contra atual prefeito

Participação das principais lideranças do município revela o esvaziamento das bases do prefeito Hiroshi Kubo

Grupo se reuniu no último sábado (3) na residência da atual vice-prefeita de Carlópolis, Ana Lúcia Moreno (PSD)
CRÉDITO: Divulgação

Da Redação com Assessoria


Uma reunião na manhã do último sábado (3), na residência da atual vice-prefeita de Carlópolis, Ana Lúcia Moreno (PSD), deu início a um projeto que planeja unir todas as lideranças partidárias do município, numa chapa de consenso, para enfrentar nas eleições de 2020, o atual prefeito Hiroshi Kubo (PSDB).

O encontro foi liderado pelo secretário da Infraestrutura e Logística (Seil), deputado federal licenciado, Sandro Alex (PSD), que veio trazer em mãos  a indicação dos membros da comissão provisória do PSD, que passa a ser liderada por Vitório Aguera, tendo na vice-presidência, o ex-prefeito Marcos Antonio David, o Pezão, como é mais conhecido.

No pauta da reunião o assunto principal focou as eleições municipais de 2020. À mesa sentaram-se lideranças do PSD, Podemos, PV, PSC, MDB e PTB, que reforçaram o discurso pela união de todas as siglas contra o atual prefeito, o tucano Hiroshi Kubo, que deve perder a maioria das lideranças que o apoiaram na eleição de 2016.

A principal perda de Hiroshi foi o afastamento do grupo político liderado pelo ex-prefeito, o médico Isaac Tavares da Silva, que indicou sua esposa, a também médica Ana Lúcia Moreno, para compor a chapa do atual prefeito, levando consigo, à época, as mais importantes lideranças de Carlópolis.

A debandada de lideranças se deve ao espírito pouco agregador de Hiroshi Kubo, que pode ter cometido erro fatal ao apoiar a ex-governadora Cida Borghetti (PP), em detrimento da candidatura do atual governador, Ratinho Junior (PSD). 

Vale destacar a presença no grupo do ex-prefeito Pezão, que agrega força substancial numa provável chapa de consenso. Também participaram da reunião, Aguinaldo Rodrigues (Podemos);  Isaac Tavares da Silva (PV); Andrea Morais (PV); Fabiano Barbosa ( PSD) Juarez Leal, o Daio, coordenador da Casa Civil no Norte Pioneiro; Vitório Aguera (PSD) Selma Pereira de Lima ( PSC); Rosângela Carvalho Custodio ( PSD); Cláudio Custodio ( MDB); e, os vereador Idenilso Bernardino da Silva (PTB e Selma Pereira de Lima.

Os coordenadores do movimento acreditam na adesão de várias outras lideranças. Como primeiro encontro consideram mais que satisfatório o resultado do evento.

Deixe um Comentário