Jacarezinho

MP quer horários para idosos e limite de pessoas em comércios não essenciais

Em caso de não cumprimento promotoria promete reavaliar abertura do comércio, com possibilidade de pedido para nova suspensão das atividades

Da Redação 


O Ministério Público da comarca de Jacarezinho expediu uma série de recomendações ao município e ao comércio . A medida é uma reação ao aumento significativo de casos de Covid-19 entre moradores locais, que saltou de dois para seis durante esta semana. Entre os principais pontos estão o pedido para que se estipule horários específicos para idosos nos comércios essenciais e o limite de quatro pessoas no interior dos comércios não essenciais. 

A recomendação é assinada pela promotora Maristela Aparecida Canhoto Carula e foi expedida nesta sexta-feira (22), um dia após o município confirmar quatro novos casos de pacientes diangnosticados com Covid-19, totalizando seis casos da doença. 

Na justificativa das recomendações a promotora cita a “conciliação entre o interesse maior, representado pela vida e saúde das pessoas, com o econômico, pois sabe-se que este último representa emprego e condições dignas para a maior parte da população que dele necessita ou que vive às custas dele”. 

Desta forma a promotoria vislumbra a manutenção do comércio aberto, porém com regras mais rígidas no que diz respeito às medidas preventivas com relação à Covid-19. Entretanto, o documento é concluído com uma citação sobre a possibilidade de nova suspensão das atividades não essenciais caso as regras não sejam respeitadas. 

Entre outras, as recomendações reforçam as orientações já estabelecidas anteriormente para o funcionamento do comércio e propõe que a distância mínima entre as pessoas seja de dois metros, que o comércio essencial determine que apenas uma pessoa por família faça compras e que haja ainda horários estipulados para idosos; já o comércio não essencial deve, além de todas as regras já definidas, permitir a entrada de apenas quatro pessoas por vez e filas no lado de fora com o máximo de também quatro pessoas. 

Deixe um Comentário