Jacarezinho

Moradores de Jacarezinho reclamam do abandono do ginásio de esportes

Praça esportiva está interditada há mais de um ano e reforma iniciada para recuperar estrutura não foi finalizada

Ginásio é um dos mais antigos do Estado, mas espaço está sem uso por más condições

Da Redação


Moradores vizinhos do Ginásio de Esportes Prefeito Cássio Arantes Pereira, em Jacarezinho, reclamam de uma interminável situação de inutilização da praça esportiva. O local foi interditado há mais de um ano e, no primeiro semestre de 2019, teve início a reforma, que deveria ser concluída em agosto do ano passado.

Exatamente um ano depois pode-se notar que muitas melhorias foram efetivamente realizadas no ginásio de esportes, como colocação de uma nova cobertura e rampas de acessibilidade, mas o aspecto é de uma obra inacabada.

Incomodados com a situação, vizinhos procuraram a Tribuna do Vale para cobrar uma explicação por parte da prefeitura. “O que eu e todo cidadão de Jacarezinho quer e tem o direito de saber é quando o ginásio de esportes será reaberto? Porque todo mundo sabe que veio dinheiro para a obra. Um vem e fala que tá quase pronto, mas eu olho e não vejo que parece quase pronta. E tem outra, se está quase pronto, por que não finaliza de uma vez? Faz anos que fica nessa enrolação e todo esse espaço parado”, critica um dos moradores que vive nas imediações da praça esportiva.

Sob a condição do anonimato, ele questiona a falta de informações da prefeitura à população sobre a situação. “Eu não quero aparecer porque senão vão dizer que eu estou fazendo política, por estar próximo de eleição, mas não estou. Só quero que se explique, que se esclareça os motivos que fazem um dos maiores ginásios de esportes do Paraná estar fechado há tanto tempo sendo que veio recurso para a reforma”, questiona.

O mesmo morador diz que, inclusive depois do prazo inicial da reforma não ser cumprido, a câmara de vereadores questionou a prefeitura em novembro do ano passado e responderam que até fevereiro deste ano a obra estaria concluída, o que até agora não ocorreu.

O recurso citado é uma emenda parlamentar do deputado estadual Luiz Carlos Martins (PP) no valor de R$ 554 mil. O projeto de reforma previa substituição total do telhado, adequações às normas atuais de segurança e acessibilidade além de melhorias hidráulicas, elétricas e em banheiros e arquibancadas.

O Ginásio de Esportes Cássio Arantes Pereira é um dos mais antigos do Paraná e tem capacidade para cerca de sete mil pessoas. Por anos sediou o tradicional Baile do Texas, porém, desde 2011 o evento é realizado em outros lugares.

A Tribuna do Vale tentou contato com a secretaria municipal de Educação, responsável pela praça esportiva, mas até o fechamento desta edição não conseguiu falar com a chefe da pasta para esclarecimentos.

ESTÁDIO PEDRO VILELA

Coincidentemente a outra praça esportiva de Jacarezinho, o Estádio Pedro Vilela, também está interditado e inutilizado há um longo período de tempo. A triste situação foi retratada por uma reportagem da Tribuna do Vale na semana retrasada.

O estádio teve parte das arquibancadas interditadas por risco de desabamento e, mesmo tendo iluminação para jogos noturnos e boa capacidade de público (cerca de 4 mil lugares), há muito tempo não recebe jogos amadores ou mesmo treinos de projetos esportivos.

Deixe um Comentário