Economia

Justiça Federal reverte decisão tarifas de pedágio

Da Redação com Assessoria


A Econorte, concessionária de pedágio que administra praças de Jataizinho, Sertaneja e Cambará, conseguiu reverter decisão da Justiça Federal, Vara de Jacarezinho, que havia determinado a redução 25.77% dos valores. Isso foi possível graças a um recurso que a companhia impetrou junto à 1º Vara Federal de Curitiba. Por conta disso, as tarifas de pedágios das três praças que controla voltam a valer o que era cobrado até o final do mês de junho.

Ontem a Assessoria de Comunicação da Econorte distribui uma nota informando que foi despachada, pela 1ª Vara Federal de Curitiba, a sentença que revogou a decisão liminar anteriormente proferida, bem como julgou extinta a Ação Civil Pública de Improbidade Administrativa proposta pelo Estado do Paraná e Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná em relação à empresa.

“A decisão, dentre outras determinações, reverte a redução de 25,77% nas tarifas de pedágio das três praças da Econorte, em Jataizinho, Sertaneja e Cambará”, assinalou o texto.

“Assim, em cumprimento à referida decisão, o restabelecimento das tarifas de pedágio das praças da Econorte ocorrerá a partir da zero hora do dia 02 de agosto de 2019, passando a vigorar os valores apresentados na tabela em anexo”, finaliza.

Deixe um Comentário