Jacarezinho

Forrest Brasil esclarece números de dengue em Jacarezinho


Nota de esclarecimento

O Departamento de Vigilância Epidemiológica de Jacarezinho está divulgando os casos de dengue no munícipio notificados em 2019, por região.

A região da Vila São Pedro, que engloba vários bairros (Dom Pedro Filipak, Vila Maria, Vila São Pedro, Jardim Scyllas Peixoto, Vila Scylla, Jardim Pedro Scandolo, Jardim Delamura, Jardim Ismênia, Jardim João Afonso, Vila Marina, Chácara Maravilha, Jardim Boa Vista, Jardim Cabral, Residencial Santa Helena e Vila Esperança), aparece na lista com 43 casos confirmados. No entanto, o bairro Vila São Pedro, que compõe a região com o mesmo nome, tem apenas 3 casos.

O bairro recebeu o Projeto Controle Natural de Vetores da Forrest Brasil Tecnologia em agosto do ano passado e, desde então, reduziu drasticamente a infestação do mosquito Aedes aegypti.

O município de Jacarezinho foi o primeiro no mundo a usar essa técnica natural desenvolvida pela Forrest Brasil, que não envolve modificação genética. Os mosquitos machos estéreis são produzidos a partir de ovos coletados na região afetada e, posteriormente são soltos na natureza, contribuindo para a redução de novos descendentes, diminuindo assim a proliferação desses mosquitos.

O mosquito macho se alimenta apenas de seiva de plantas e, portanto, não pica e não oferece nenhum risco para a população. São as fêmeas que transmitem as doenças, pois precisam do sangue para completar o processo de maturação dos ovos e fazer a postura.

Em 2018, o Projeto Piloto tratou os três bairros que tinham situação mais crítica no município: Aeroporto, Novo Aeroporto e Vila Leão. Ao final do projeto piloto, após 7 meses de solturas de mosquitos machos estéreis, foi registrada uma redução superior a 90% na população de Aedes aegypti nas áreas tratadas, sendo que o Levantamento Rápido de Índices de Infestação do Aedes aegypti (LIRAa) chegou a registrar índice zero de infestação do mosquito nos Bairros Novo Aeroporto e Aeroporto.

Agora a empresa trabalha na expansão do projeto para todo o município, retomando inclusive as solturas dos machos estéreis nos bairros que participaram do Projeto Piloto.

A Forrest Brasil Tecnologia reafirma seu compromisso com a sociedade de usar a solução desenvolvida para combater com eficácia a dengue.

A continuidade desse trabalho, a conscientização da população e o apoio do poder público, garantirão a sustentabilidade do projeto e o sucesso dele nos demais bairros de Jacarezinho.

Deixe um Comentário