Carlópolis

Evento amplia oportunidade de exportação para produtores do Norte Pioneiro

Encontro contou com a participação de representantes de três exportadoras 

Encontro Internacional para Exportação de Hortifruti do Norte Pioneiro do Paraná aconteceu nesta quinta-feira
CRÉDITO: Divulgação

Dayse Miranda


O Encontro Internacional para Exportação de Hortifruti do Norte Pioneiro do Paraná, realizado em Carlópolis, amplia a oportunidade de exportação dos produtores da região. Classificado como sucesso pelos os organizadores, o evento contou com a presença de representantes de três exportadoras brasileiras, oriundas de São Paulo e Salvador (BA). 

No segundo dia, o Sebrae/Comitê Territorial Norte Pioneiro, levou os visitantes para conhecer a Cooperativa Agroindustrial de Carlópolis (COAC), que possui atualmente 23 cooperados. Na oportunidade, os representantes fizeram questão de conhecer o “packing house”- onde as frutas são selecionadas e embaladas – e foram a campo para conhecer algumas plantações de goiabas. 

Segundo a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Meio Ambiente, os exportadores ficaram admirados com as técnicas de manejo utilizadas na região. Uma delas consiste em ensacar todos os frutos para evitar o uso de defensivos, proporcionando maior segurança alimentar para o consumidor, além de aumentar a qualidade dos frutos. A outra técnica adotada é a de podas escalonadas por talhões – que permite a produção praticamente o ano todo. 

De acordo com a secretária Municipal de Agricultura, Pecuária e Meio Ambiente, de Carlópolis, Francislaine R. Luz Bohrz, a perspectiva de exportação das goiabas certificadas é muito boa. “Os produtores da cooperativa e da associação recebem apoio da Secretaria Municipal de Agricultura e da Emater, além da parceria com o Sebrae.

Além disso, a COAC já encaminhou amostras de goiabas certificadas para Holanda, Espanha e Canadá, com o objetivo de iniciar a exportação. Essa conquista irá incentivar os produtores que já conquistaram a certificação e despertar o interesse de mais produtores em se qualificarem para adquirir a certificação”, detalhou Francislaine.

Deixe um Comentário