Wenceslau Braz

Enfermeiro com suspeita de coronavírus fura isolamento e participa de festa, em Wenceslau Braz

Em caso de descumprimento, o enfermeiro estará sujeito ao pagamento de multa de R$ 5 mil

De: Ric Mais-Renata Nicolli Nasrala


Em Wenceslau Braz, no norte do Paraná, um enfermeiro com suspeita de coronavírus furou o isolamento para participar de uma festa no dia 16 de maio, logo depois de ter sido solicitado que permanecesse em quarentena entre os dias 11 a 24 de maio.

Enfermeiro com suspeita de coronavírus fura isolamento social; homem teve contato com paciente contaminado

De acordo com informações do Ministério Público do Paraná, o enfermeiro com suspeita de coronavírus que furou o isolamento é servidor da Secretaria Municipal de Saúde, e teve contato com uma pessoa infectada pelo coronavírus durante sua jornada de trabalho.

Dessa maneira, foi solicitado seu afastamento no período de 11 e 24 de maio como medida preventiva à propagação da doença, e enquanto ele aguardava a realização de exames para confirmação ou não da infecção.

Entretanto, conforme o MPPR, no dia 16 de maio o enfermeiro descumpriu o isolamento para ir a festa na cada de uma amiga. No local, o profissional da saúde filmou o encontrou e publicou o mesmo nas redes sociais.

Logo depois do ocorrido, o descumprimento ao isolamento gerou o ajuizamento de ação civil pública para que o homem fosse obrigado a manter-se em casa.

O pedido veio da Promotoria de Justiça, e a decisão da liminar foi favorável nesta quarta-feira (20).

Agora, o enfermeiro deverá se manter em quarentena por força de decisão judicial do Juízo da Vara Cível da comarca, que atendeu pedido formulado pelo Ministério Público do Paraná por meio da Promotoria de Justiça.

Em caso de descumprimento, o enfermeiro estará sujeito ao pagamento de multa de R$ 5 mil.

Deixe um Comentário