Jacarezinho

Devolução da Câmara também foi destinada ao Conselho Tutelar

CRÉDITO: Marcos Junior

Marcos Junior 


O ano de 2019 terminou com várias ações desenvolvidas pela Câmara Municipal de Jacarezinho. No final de dezembro a contabilidade oficial destacou que o saldo geral devolvido aos cofres do município foi de R$ 1.904.908,39. O dinheiro foi destinado para várias áreas, como saúde, educação, pagamento de terceirizados, entre outras ações.

Através do Projeto de Lei 90/2019 foi destinado o valor de R$ 15 mil, com recursos da antecipação do duodécimo da Câmara Municipal, para a manutenção dos veículos do Conselho Tutelar e da Secretaria Municipal de Assistência Social.

O projeto foi aprovado por unanimidade pelos vereadores André de Sousa Melo (Pastor André), Diogo Augusto Biato Filho, Edilson da Luz, José Izaías Gomes (Zola), Luiz Carlos do Nascimento, Nilton Stein, Patrícia Martoni e Sidnei Francisquinho (Chiquinho Mecânico). O presidente Fúlvio Boberg só votaria em caso de empate.

Em outubro de 2019 a Câmara Municipal havia aprovado a abertura de crédito adicional de R$ 70 mil. O investimento foi destinado para a aquisição de equipamentos e materiais de informática, mobiliários, eletrodomésticos e um veículo 0 km.

O recurso foi do Estado, por intermédio do Fundo Estadual para a Infância e a Adolescência (FIA-PR). A principal função do Conselho Tutelar é a proteção e garantia dos direitos dos menores segundo o seu Estatuto. O papel do Conselho Tutelar começa a agir sempre que os direitos de crianças e adolescentes forem ameaçados ou violados pela sociedade, Estado, pais, responsável, ou em razão de sua própria conduta.

Deixe um Comentário