Policial

Concluída investigação sobre morte em distrito de Ribeirão do Pinhal

POLÍCIA CIVIL
Crime ocorreu no dia 9 de junho em um bar na Triolândia

LEGENDA: Discussão em bar terminou em agressão e morte
CRÉDITO: Divulgação -PCPR

Da Redação com Assessoria

A Polícia Civil encaminhou na manhã deste terça-feira, 23, ao Ministério Público Estadual (MP-PR) a conclusão do inquérito policial instaurado para apurar as circunstâncias da morte de Vicente de Paula Antunes, 54 anos.

De acordo com registro da ocorrência policial e exame de local de morte, o fato ocorreu dia 9 de junho, por volta das 20h, nas dependências do ‘Bar do Daniel’, no distrito de Triolândia, pertencente ao município e comarca de Ribeirão do Pinhal. O local é distante cerca de 20km do centro do município, cujo acesso se dá em estrada não pavimentada.

Ao todo, nove testemunhas presenciais e diretas do crime foram ouvidas. Todas afirmaram que a vítima chegou alcoolizada no local e provocou o autor com xingamentos dirigidos à sua mãe. Em seguida, o autor teria o agredido usando um taco de bilhar no peito, o empurrando. A vítima, a qual estava próximo a uma mureta, se desequiliboru e caiu. Com a queda, a vítima bateu a cabeça ao chão, provocando sangramento. Mesmo com socorro, não resistiu e morreu.

De acordo com todas as testemunhas, não houve aparente intenção de matar, mas sim de lesionar a vítima, após as ofensas verbais.

A Polícia Civil indiciou o agressor pelo crime de lesão corporal seguida de morte. O crime é previsto no Código Penal no artigo 129, parágrafo 3º e acarreta em pena de quatro a 12 anos de prisão. Ainda de acordo com a PC, a Justiça decidirá se o indiciado responderá o processo preso ou em liberdade, até eventual condenação, pois não foi preso em flagrante no curso das investigações.

Deixe um Comentário