Política

Cida vai combater com mais rigor a violência e o trabalho infantil

Imprensa Cida 11


Second image

O trabalho infantil e a violência sexual contra crianças e adolescentes serão combatidos com ainda mais rigor no Paraná. A afirmação é da governadora e candidata à reeleição Cida Borghetti, nesta terça-feira (02) durante visita à Pastoral da Criança, em Curitiba. Segundo ela, serão intensificadas as ações de prevenção e campanhas de conscientização, além dos projetos para a primeira infância.

“Vamos fortalecer a rede de proteção à criança e ao adolescente, envolver os pais e a comunidade escolar no cuidado e prevenção de abusos”, disse.

A rede ligará as ações de saúde, campanhas permanentes de combate à violência sexual e física, conscientização sobre o trabalho infantil e estímulo à permanência na escola.

First image

Para isso, será implantado o programa Saúde Nota 10, em que médicos farão atendimento especializado dentro das escolas para identificar problemas de saúde que possam comprometer o aprendizado e também o programa Saúde Mental para garantir a integridade psicológica das crianças e adolescentes.

Além disso, segundo Cida, os adolescentes serão estimulados ao mercado formal de trabalho, pelo programa Jovem Aprendiz, em que prevê o aprendizado pratico e teórico da profissão. “A rede abrigará a criança e o adolescente”, afirmou.

PRIMEIRA INFÂNCIA- O cuidado com a primeira infância será determinante para que o número de casos diminua no Paraná. Ele prevê um conjunto de ações que incentivam o cuidado e fortalecem o vínculo familiar com a criança.

A governadora é uma das principais referências no país em atenção à primeira infância. Na Câmara Federal, Cida Borghetti presidiu a comissão especial que aprovou por unanimidade no Congresso o Marco Legal da Primeira Infância, a lei mais avançada no mundo na proteção e atenção às crianças de zero a seis anos. A legislação serviu de base para o programa Criança Feliz, do Governo Federal.
Cida já representou o Brasil em conferência da Organização das Nações Unidades sobre o tema.

Deixe um Comentário