Eleições Paraná

Chico da Princesa tem convicção da vitória

Norte Pioneiro tem a grande chance de retomar representação na Assembleia Legislativa

Da Redação com Assessoria


Chegando ao final da disputa eleitoral, o ex-deputado federal por quatro mandatos e agora candidato a deputado estadual, Chico da Princesa (PDT) fez uma visita à redação da Tribuna do Vale, quando avaliou o cenário político e das perspectivas de sua candidatura, que na sua avaliação, está recebendo apoio espontâneo em dezenas de municípios pelo reconhecimento do trabalho que já realizou nos 16 anos de vida parlamentar em Brasília e pelas propostas que apresenta para este mando na Assembléia Legislativa.
Fazendo uma análise do quadro regional, Chico mostra muito otimismo e diz ter convicção de que será o representante do Norte Pioneiro na Assembléia Legislativa. Faltando apenas dois dias para as eleições deste domingo, dia 7, ele se mostra gratificado pela receptividade em todo o Norte do Paraná e outras regiões do Estado. 


Para Chico da Princesa, em se tratando de proporcionais, as variáveis da eleição deste ano apresentam a seguinte realidade. O candidato estará eleito se atingir acima dos 90% de votos; considera-se provável eleito o candidato que estiver com quantidade de votos oscilando entre 70% e 90% e, com chances de se eleger quem atingir de 50% a 70%.

As avaliações são levantamentos internos que se faz para ter uma análise mais clara da eleição de cada candidato dentro do próprio partido ou da coligação. Daí leva-se em conta o desempenho eleitoral dos candidatos, coligação e da legenda e, posteriormente, se tem o quociente eleitoral e o quociente partidário, tal e qual com vistas ao preenchimento das vagas direto e a sobra.

Numa análise do atual quadro, ele assinala que, conforme a campanha foi se afunilando e eleitores começaram a analisar melhor o perfil de cada candidato, consequentemente, as chances de um e outro. O que se percebe claramente é que o candidato Chico da Princesa se firmou como um nome forte, de um lado por ter uma grande experiência política em nível nacional e, segundo, conforme se constatou, sua campanha denota organização, propostas bem definidas e uma extensa lista de realizações. 
Neste contexto, Chico da Princesa expõe abertamente os  benefícios que trouxe para os município e aí é que acontece a diferenciação de candidatos. Um exemplo que a região não esquece é o programa inédito e nunca mais realizado por qualquer outro político, em que Chico disponibilizou dezenas de ônibus para transporte de estudantes universitários que possibilitou a mais de 17 mil acadêmicos poderem frequentar as faculdades do Norte do Paraná e Sul de São Paulo.

“Quantos profissionais de nível superior estão no mercado de trabalho, promovendo o desenvolvimento e oferecendo uma vida digna às suas famílias graças à oportunidade de frenquentar uma universidade. O transporte era a distância que os separava desse sonho. Somente esta conquista já valeu meus mandatos”, diz emocionado.  
Coeficiente eleitoral
Se o eleitor de Santo Antônio da Platina – onde está o maior reduto eleitoral do Norte Pioneiro, seguido de Jacarezinho – realmente deseja ter candidato a Deputado Estadual desta região para representar bem cada município na Assembleia Legislativa do Paraná, certamente Chico da Princesa é o que tem maiores chances de ser eleito.

O eleitorado do Paraná para este ano é de 7, 9 milhões de eleitores. O quociente eleitoral para Deputado Federal está entre 190.500  a 192.000 por vaga; e, o quociente eleitoral para Deputado Estadual está entre 106.500 a 108.00 por vaga.
Em se tratando de eleição, na proporcional, o Paraná tem, em disputa, para a Câmara Federal, 30 vagas para Deputados Federais. Para a Assembleia Legislativa do Paraná, são 54 vagas para Deputados Estaduais.

Para Chico da Princesa, em se tratando de proporcionais, as variáveis da eleição deste ano apresentam a seguinte realidade. O candidato estará eleito se atingir acima dos 90% de votos; considera-se provável eleito o candidato que estiver com quantidade de votos oscilando entre 70% e 90% e, com chances de se eleger quem atingir de 50% a 70%.

As avaliações são levantamentos internos que se faz para ter uma análise mais clara da eleição de cada candidato dentro do próprio partido ou da coligação. Daí leva-se em conta o desempenho eleitoral dos candidatos, coligação e da legenda e, posteriormente, se tem o quociente eleitoral e o quociente partidário, tal e qual com vistas ao preenchimento das vagas direto e a sobra.

Numa análise do atual quadro, ele assinala que, conforme a campanha foi se afunilando e eleitores começaram a analisar melhor o perfil de cada candidato, consequentemente, as chances de um e outro. O que se percebe claramente é que o candidato Chico da Princesa se firmou como um nome forte, de um lado por ter uma grande experiência política em nível nacional e, segundo, conforme se constatou, sua campanha denota organização, propostas bem definidas e uma extensa lista de realizações. 

Neste contexto, Chico da Princesa expõe abertamente os  benefícios que trouxe para os município e aí é que acontece a diferenciação de candidatos. Um exemplo que a região não esquece é o programa inédito e nunca mais realizado por qualquer outro político, em que Chico disponibilizou dezenas de ônibus para transporte de estudantes universitários que possibilitou a mais de 17 mil acadêmicos poderem frequentar as faculdades do Norte do Paraná e Sul de São Paulo.

“Quantos profissionais de nível superior estão no mercado de trabalho, promovendo o desenvolvimento e oferecendo uma vida digna às suas famílias graças à oportunidade de frenquentar uma universidade. O transporte era a distância que os separava desse sonho. Somente esta conquista já valeu meus mandatos”, diz emocionado. 

Coeficiente eleitoral

Se o eleitor de Santo Antônio da Platina – onde está o maior reduto eleitoral do Norte Pioneiro, seguido de Jacarezinho – realmente deseja ter candidato a Deputado Estadual desta região para representar bem cada município na Assembleia Legislativa do Paraná, certamente Chico da Princesa é o que tem maiores chances de ser eleito.

O eleitorado do Paraná para este ano é de 7, 9 milhões de eleitores. O quociente eleitoral para Deputado Federal está entre 190.500  a 192.000 por vaga; e, o quociente eleitoral para Deputado Estadual está entre 106.500 a 108.00 por vaga.

Em se tratando de eleição, na proporcional, o Paraná tem, em disputa, para a Câmara Federal, 30 vagas para Deputados Federais. Para a Assembleia Legislativa do Paraná, são 54 vagas para Deputados Estaduais.

Deixe um Comentário

%d blogueiros gostam disto: