Jacarezinho Santo Antônio da Platina

Casos de dengue na região seguem em crescimento

Jacarezinho e Santo Antônio da Platina vivem epidemia, enquanto outros 12 municípios apresentam casos da doença 

População deve continuar seguindo orientações da Secretaria Estadual de Saúde e evitara propagação do Aedes Aegypti
Crédito: Antônio de Picolli

Da Redação


Com dois municípios – Jacarezinho e Santo Antônio da Platina – em situação de epidemia de dengue, o número de casos da doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypti segue em crescimento no Norte Pioneiro, segundo dados do boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde do Paraná (Sesa) divulgados na tarde de terça-feira (24). 

A situação mais grave continua sendo Jacarezinho, onde são contabilizados neste último semestre o total de 1.478 casos da doença, com praticamente a totalidade deste número apenas neste ano. O município está em epidemia desde janeiro. Com relação ao boletim da semana passada, são 149 novos casos devidamente diagnosticados. 

Em Santo Antônio da Platina, em situação de epidemia há duas semanas, foram confirmados agora 358 casos da doença, um acréscimo de 76 novos pacientes em relação ao penúltimo boletim epidemiológico. 

O que traz ainda mais preocupações em Jacarezinho e Santo Antônio da Platina é que estes números tendem a continuar crescendo pelas próximas semanas. Isso porque o número de pacientes com a situação em investigação é alto. 

Em Jacarezinho são contabilizados 642 casos suspeitos, enquanto em Santo Antônio da Platina o número de pessoas que aguardam pela confirmação ou não da dengue é de 217. 

Na região ainda há o registro de casos de pacientes com confirmação de dengue nos municípios de Barra do Jacaré (22 casos confirmados), Cambará (41), Carlópolis (22), Conselheiro Mairinck (01), Figueira (71), Ibaiti (02), Joaquim Távora (04), Pinhalão (03), Quatiguá (11), Siqueira Campos (01), Tomazina (03) e Wenceslau Braz (04). 

Apesar do foco da população estar no combate ao coronavírus, os cuidados com a dengue devem ser contínuos e o combate a criadouros do Aedes aegypti é fundamental para que a doença não siga se alastrando por toda a região. 

ESTADO

Em todo Paraná, segundo os dados da Sesa, são 76.655 casos confirmados da doença; 11.131 a mais que a semana anterior. Ainda são contabilizados oito novos óbitos em decorrência da dengue. 

No Estado são 162 municípios em situação de epidemia ; 15 entraram para a relação nesta semana: São Tomé, Capitão Leônidas Marques, São Pedro do Iguaçu, Santa Amélia, São João do Ivaí, Campo Mourão, Rolândia, Bela Vista do Paraíso, Cidade Gaúcha, Quarto Centenário, Sabaúdia, Itambaracá, Araruna, Quedas do Iguaçu e Barra do Jacaré. Outros municípios estão 34 em situação de alerta. Segundo o boletim são 183.699 casos notificados em 358 municípios.

Deixe um Comentário