Ribeirão do Pinhal

Autorizada contratação de novos médicos

Da Assessoria

As Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de Ribeirão do Pinhal receberão em breve um importante reforço para o atendimento aos pacientes. A Câmara aprovou na semana passada a Lei nº 2.036/2019 de autoria do Poder Executivo, que autoriza a realização de chamamento público para contratação de profissionais que vão prestar serviços na área da saúde, voltado principalmente para médicos.

A lei aprovada estabelece a contratação dos profissionais pelo prazo de um ano, podendo ser prorrogado uma vez por igual período, caso seja comprovada a situação excepcional, até que seja possível realizar novo concurso público. Segundo o vereador Hélio Lopes da Silva, a medida é necessária para garantir o atendimento. “Fui favorável, pois devido ao pedido de exoneração dos médicos concursados, o atendimento ficou prejudicado, mas temos que fazer o possível para resolver essa questão porque os postos de saúde não podem ficar sem médicos para atender nossa população”, explicou o vereador.

As contratações se fazem necessárias devido às exonerações que os médicos aprovados em concurso pediram, por motivos pessoais, e desfalcou o quadro de profissionais nas UBSs, porque não há mais profissionais aprovados no último concurso aguardando para serem chamados e também com o recente desligamento da Dra. Mônica Rostello do Programa Mais Médicos. “Precisamos com urgência providenciar a contratação de médicos para suprir a demanda e evitar formação de filas de espera que refletem em agendamentos distantes, porque quem está doente tem pressa para ser atendido com dedicação e eficiência. Estamos cientes dessa necessidade e estamos trabalhando para resolvê-la”, afirmou o prefeito Wagner Martins.

A prefeitura deve lançar os editais nos próximos dias, e a expectativa é de que os aprovados comecem a atuar entre outubro e novembro deste ano.

Contudo, Martins garante que assim que for possível a prefeitura irá providenciar a realização do concurso público para garantir uma consolidação no quadro de profissionais.

Deixe um Comentário