Bandeirantes Educação

Aluna sugere olimpíada para estimular a leitura

Luísa Fernanda Martins da Silva quer programa de leitura desenvolvido nas escolas paranaenses

Da Redação com Assessoria


Luísa Fernanda Martins da Silva
Foto: Arte: Lucas Lambertucci

A adolescente Luísa Fernanda Martins da Silva adora ler. Livros novos, emprestados na biblioteca do Colégio Estadual Cyríaco Russo e ainda títulos on-line. Hábito que a estudante de Bandeirantes gostaria de ver compartilhado por muito mais jovens. Para isso ela sugeriu a promoção de uma Olimpíada do Conhecimento, a fim de estimular a leitura nas escolas paranaenses, com o seu projeto finalista do Geração Atitude 2018.

O programa desenvolvido pela Assembleia Legislativa do Paraná, em parceria com o Ministério Público estadual e com apoio do Governo do Estado e do Tribunal de Justiça, recebeu 500 inscritos neste ano e selecionou as iniciativas de 32 alunos da rede pública de ensino. A melhor proposta pode ser encampada e apresentada por um deputado e, se aprovada, virar uma lei estadual.

A ideia da Luísa é contar com a formação de grupos de debates sobre livros clássicos, com “o objetivo de estimular a educação para o exercício da cidadania e para a vida em sociedade”. Na avaliação da estudante, a competição é uma forma diferente de despertar o interesse nos jovens. “Mas que no final o mais importante será a leitura e a contribuição para a formação de cada um”, explicou.

A disputa seria realizada anualmente, de março a setembro, com participação de alunos dos segundo e terceiro anos do Ensino Médio, tendo apoio dos professores das disciplinas envolvidas. Os estudantes formariam grupos de quatro participantes, sendo avaliados em três etapas: no município, nos núcleos regionais de educação e no estado.

Capital – O professor Reginaldo dos Santos Simões, orientador do Geração Atitude no Colégio Estadual Cyríaco Russo, foi quem contou a Luísa da sua presença entre os finalistas. Agora, ela espera pela viagem em novembro, quando os 32 classificados poderão participar da Caravana da Cidadania e conhecer o funcionamento dos Poderes Legislativo, Executivo e Judiciário, e também do Ministério Público, em Curitiba. “Era tão pequena quando visitei a cidade que não lembro de nada”, contou a adolescente de Bandeirantes.

Geração Atitude – O Geração Atitude é um grande programa desenvolvido pela Assembleia Legislativa do Paraná em parceria com o Ministério Público estadual, com apoio da Secretaria de Estado da Educação, do Tribunal de Justiça e da Assessoria Especial da Juventude do Governo do Estado. Ele visa essencialmente promover a participação social e despertar o interesse dos jovens por temas como cidadania, democracia, política, eleições, voto consciente e o papel das instituições.

Ações específicas, como o Geração na Escola, envolvem um conjunto de atividades voltadas à formação cidadã, apoiadas em planos de aula relativos ao exercício da cidadania, que são definidos em linguagem simples e direta através do Guia do Cidadão, cartilha de 68 páginas discorrendo sobre democracia, política, eleições, direito ao voto, entre vários outros temas. A cartilha pode ser acessada por qualquer interessado pelos sites da Assembleia Legislativa e do Ministério Público estadual.

Deixe um Comentário