Santo Antônio da Platina

Acusado de estuprar enteada menor preso em concessionária

Eletricista teria abusado sexualmente da menina durante sete anos; vítima era ameaça de morte para manter sigilo

Luiz Guilherme Bannwart


Um homem de 42 anos, acusado de estupro de vulnerável, foi preso na tarde desta sexta-feira (22) enquanto prestava serviços de instalações elétricas em uma concessionária de veículos, em Santo Antônio da Platina. Ele é acusado de abusar sexualmente da própria enteada.

De acordo com o Conselho Tutelar, o homem é acusado de violentar sexualmente a enteada durante sete anos. Na manhã desta sexta-feira, a vítima – atualmente com 14 anos – procurou o órgão de proteção à criança e adolescente para formalizar a denúncia munida de provas que confirmam as acusações contra o padrasto.

A adolescente contou aos conselheiros tutelares que os estupros começaram quando ela tinha apenas sete anos. No entanto, o medo de toda a família ser morta pelo padrasto, caso ela revelasse os abusos sexuais, manteve o caso em segredo absoluto até a manhã desta sexta-feira, quando a adolescente confidenciou a uma amiga a violência sofrida dentro de casa.

Diante da materialidade e gravidade da denúncia, os conselheiros tutelares levaram o caso imediatamente à Polícia Civil, que pediu a prisão do acusado à Justiça. O mandado foi cumprido no fim da tarde por policiais civis e militares em uma concessionária de veículos na avenida Frei Guilherme Maria. O acusado não ofereceu resistência.

Ainda de acordo com o Conselho Tutelar, a mãe da adolescente não tinha conhecimento da violência sexual praticada pelo companheiro contra a filha. A mulher tem outros dois filhos com o acusado e deve ser ouvida no inquérito policial instaurado para investigar o caso.

O suspeito foi conduzido à 38ª Delegacia Regional de Polícia e depois recolhido na cadeia pública local, onde permanece à disposição da Justiça.

Deixe um Comentário

%d blogueiros gostam disto: