Joaquim Távora

Hélio da Viola morre aos 52 anos por complicações da Covid-19

Músico estava internado no Hospital Regional do Norte Pioneiro havia 19 dias

Tá no Site

Hélio Galvão não resistiu à luta contra a Covid-19 e morreu na tarde desta sexta-feira
CRÉDITO: ARQUIVO PESSOAL

O músico e radialista Hélio Galvão, que fez dupla com Zé da Viola, não resistiu a batalha pela vida contra a Covid-19 e faleceu na tarde desta sexta-feira (30), na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Regional do Norte Pioneiro, em Santo Antônio da Platina, onde estava internado havia 19 dias.

Figura carismática no meio artístico e na imprensa, Hélio morava com a família em Joaquim Távora, mas atuava profissionalmente em cidades do Norte Pioneiro paranaense e Sudoeste paulista. Era um apaixonado pela música sertaneja e pelo rádio, tanto que fundou a própria emissora, a rádio web Balada Sertaneja FM.

Com o parceiro Zé da Viola, Hélio gravou vários discos sertanejos e participou e diversos programas de televisão, entre eles: Siqueira Martins e TV Aparecida.

Nos meios de comunicação, Hélio era aquele repórter raiz, sempre ‘plugado’ para levar as informações aos ouvintes no momento em que os fatos aconteciam, e fazia questão de compartilhar as notícias com os companheiros da imprensa para que as informações chegassem simultaneamente ao maior número de pessoas possível.

Hélio era o tipo de pessoa que se preocupava com o próximo, que lutava pelas causas sociais, por direitos iguais, assim como lutou bravamente contra a Covid-19. Visto como um ‘matuto’, de coração enorme, sempre preocupado com os amigos e com pessoas que ele sequer conhecia. Esse era o ‘Hélião’, como era carinhosamente chamado por seus companheiros.

Hélio deixa a esposa Rosane Tonietti Galvão, irmã do padre Rosiney Tonietti, os filhos Luís Paulo e Ana Paula e uma neta. O corpo do músico será sepultado no fim da tarde desta sexta-feira (30) no Cemitério Municipal de Quatiguá.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto:

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios