CidadesGeral

Estado abre 200 vagas de residência para profissionais atuarem na área ambiental

São vagas em diversas áreas do conhecimento para atuar na Secretaria do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo e suas vinculadas.

AEN

Profissionais recém-formados podem participar do processo seletivo para atuar na Secretaria do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo (Sedest) e suas vinculadas. A seleção será realizada pela Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), para a 4ª edição do Programa de Residência Técnica (Restec Engenharia e Gestão Ambiental). O período de inscrições encerra no dia 18 de abril e os candidatos passam por uma prova no dia 1º de maio.

O programa oferta 200 vagas nas áreas de engenharia ambiental ou gestor ambiental (30), analista de sistema (2), administração (8), engenharia florestal (25), engenharia agrônoma ou agrícola (23), engenharia química (22), engenheiro cartógrafo ou agrimensor (4), ciências contábeis (4), engenharia civil (18), geógrafo (12), médico veterinário (4), biólogo (25), geólogo ou engenharia de minas (17) e advocacia (6).

“São profissionais que acabaram de sair da academia e possuem alto conhecimento nas suas áreas, contribuindo de forma efetiva para o trabalho desenvolvido nas nossas diretorias. É, também, uma grande oportunidade para que eles coloquem em prática o que aprenderam no curso superior e ingressem no mercado de trabalho imediatamente”, afirmou o secretário da pasta, Everton Souza.

As vagas são para preencher demandas dos 21 Escritórios Regionais do Instituto Água e Terra (IAT), órgão que tem a missão de proteger, preservar, conservar, controlar e recuperar o patrimônio ambiental paranaense, buscando melhor qualidade de vida e o desenvolvimento sustentável com a participação da sociedade. Os profissionais selecionados recebem bolsa-auxílio no valor de R$ 2.375,00 por um período de até 24 meses, enquanto realizam em paralelo um curso de especialização na modalidade de Ensino a Distância. 

RESTEC – O programa de Residência Técnica é desenvolvido pela Superintendência Geral de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti) em parceria com as universidades estaduais do Paraná. Entre os objetivos está o de estimular o aprimoramento profissional de profissionais recém-formados em cursos de graduação. Os profissionais fazem um curso de Pós-Graduação (lato sensu) e atividades teórico-práticas em um órgão da administração direta ou autárquica do Estado.

Também são objetivos qualificar os servidores e trabalhadores públicos estaduais de diferentes áreas para um conhecimento especializado e atender demandas em diferentes áreas do setor público.

Por meio do Restec Engenharia e Gestão Ambiental, mais de 300 residentes técnicos incorporam o corpo de profissionais de três órgãos estaduais que aderiram ao programa.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Uia!!!