Empresa alerta para falha de segurança no WhatsApp Web

Confira a dica para evitar a invasão de sua conta e o roubo de dados sensíveis. De acordo com a ISH Tecnologia, o Facebook foi notificado sobre a falha na segurança do app.

Edital Concursos Brasil


Foi identificada uma falha de segurança relacionada ao WhatsApp Web. O problema foi visto pela empresa ISH Tecnologia em conjunto com a L1 Engenharia. A ISH Engenharia é especialista em cibersegurança e diz que a falha pode afetar outras versões do mensageiro. Estão inclusas nestas versões a de desktop e o app para Windows Store.

Segundo o alerta, criminosos podem ter acesso a mensagens, fotos e conteúdos compartilhados por meio do WhatsApp. Então, o invasor pode se passar pelo usuário a fim de obter vantagens ou empregar golpes variados.

A empresa especialista em segurança oferece uma dica aos usuários do WhatsApp Web. Ela diz para desconectar o aplicativo enquanto não estiverem na frente do computador. 

De acordo com a ISH Tecnologia, o Facebook foi notificado sobre a falha na segurança do app. A falha, portanto, diz respeito a invasões. O mensageiro possui criptografia nas mensagens de ponta a ponta desde 2016. O motivo disso se dá justamente para prevenir o roubo de informações.

Mudanças no WhatsApp

É preciso ressaltar que o WhatsApp vem testando uma nova funcionalidade para evitar o uso em celulares. Seria possível criar mais conexões em dispositivos diferentes.

Em breve, cada dispositivo terá sua própria identificação a partir dos testes na versão beta

Segundo a empresa, a segurança será mantida, já que todas as identidades estarão em um mesmo usuário. As pessoas poderão saber para quais dispositivos estão enviando as mensagens.

Fora isso, existe a “Verificação Automática de Dispositivos”. Esse recurso facilita a utilização do novo sistema. Só serão exigidas novas verificações em casos de registros de contas novas.

Ainda que o novo sistema já esteja disponível para testes, o WhatsApp Web continuará ativo. A empresa informou que será possível acessar outros dispositivos por escaneamento de QR Code.

De acordo com as primeiras informações, cada usuário poderá se conectar a até quatro dispositivos. Agora é aguardar que as atualizações cheguem para todos os usuários de modo definitivo.

Não se sabe se esses testes podem influenciar na segurança do WhatsApp Web. Em princípio, a empresa ainda não se pronunciou sobre qualquer denúncia e garante a segurança ao usuário.

Sair da versão mobile