Revisão do PIS/Pasep pode aumentar saldo em até 50x; Entenda

Quem ainda não sacou deve procurar o banco para saber se ainda tem direito ou não ao recurso; veja quando é possível solicitar a análise.

Edital Concursos Brasil


Você sabia que é possível solicitar a revisão do PIS/Pasep? A medida é requisitada quando o trabalhador percebe que os bancos não estão corrigindo devidamente os saldos das contas. Alguns casos apontam para um aumento do valor disponível em até 50x.

Podem solicitar a análise cidadãos que exerceram atividade com carteira assinada entre os anos de 1971 a 1988 e estão com dúvida em relação aos valores disponibilizados durante o saque. Quem ainda não sacou deve procurar o banco para saber se ainda tem direito ou não ao recurso.

Vale lembrar que as cotas do PIS/Pasep não tem correlação ao pagamento do abono salarial, liberado anualmente para quem trabalhou ao menos 30 dias de carteira assinada no ano-base de referência.

Quando é permitido o saque das cotas do PIS/Pasep?

Até o ano de 2019, era permitida a retirada do saldo retido no fundo do programa em casos de aposentadoria e doença grave. No entanto, desde o dia 24 de julho deste mesmo ano, o governo federal editou uma medida provisória (transformada na Lei 13.932/2019) que autoriza o saque integral das cotas do PIS/Pasep aos beneficiários de direito.

Com a liberação, muitos contemplados se assustaram com os baixos rendimentos ao longo dos anos, visto que a aplicação corresponde a depósitos feitos entre 1971 e 1988. O normal, nesses casos, é ter juntado ganhos significativos. Isso aumenta ainda mais a razão para a revisão.

Para saber sobre as cotas do PIS, consulte o site da Caixa Econômica Federal.