Flavinho Maiorky cobra melhoriasno acesso à Vila Santa Terezinha

Em resposta ao vereador, Ministério da Infraestrutura apresentou projeto em estudo que prevê obras importantes no trecho urbano da BR-153

Assessoria de Comunicação

O vereador Flávinho Maiorky: “ (…) situação atual daquele trevo é insustentável”

O Ministério da Infraestrutura, por meio da Empresa de planejamento e Logística S.A, responsável por estudos de novos contratos de concessão para execução de obras em rodovias federais respondeu o requerimento do vereador Flavinho Maiorky, que pede melhorias no acesso à Vila Santa Terezinha, na BR-153, em Santo Antônio da Platina.

No requerimento 37/2021 o vereador informa ao órgão que o bairro é um dos mais antigos do município, e que, em razão do expressivo crescimento populacional, o fluxo de veículos que trafegam sentido centro, e também sentido bairro, obrigatoriamente cruzando a BR-153, aumentou exponencialmente o número de acidentes no local.

Flavinho cobra por medidas emergenciais como redutores de velocidade e melhorias na sinalização, bem como a instalação de uma passarela no trecho. Em ofício enviado à Triunfo Econorte solicitando as melhorias, a concessionária informou que a prefeitura realizou a pavimentação do acesso ao bairro sem a devida aprovação da Econorte e homologação do Departamento de Estradas de Rodagem (DER-PR) e não executou estudo prévio do acesso à rodovia via bairro.

“Fato é que a situação atual daquele trevo é insustentável e uma medida urgente precisa ser tomada para evitar mais acidentes graves no local”, pondera o vereador.

Motoristas e pedestres se arriscam ao cruzar a rodovia

O DER-PR informou que é de conhecimento a elaboração das soluções que serão implementadas nas novas concessões, anunciada pelo DNIT em novembro de 2019, quando foi lançado o BrasilRAP – Programa de Avaliação de Rodovias do International Road Assessment Programme – iRAP¹.

Em resposta ao vereador Flavinho Maiorky, o diretor-presidente da Empresa de Planejamento e Logística S.A, Arthur Luís Pinho de Lima, informou que o projeto funcional está em desenvolvimento, em parceria com a International Finance Corporation – IFC, e prevê para o referido trecho urbano na BR-153, em Santo Antônio da Platina, as seguintes melhorias: duplicação da rodovia do trecho com implantação de barreira, implantação de vias marginais em ambos os sentidos, implantação de dispositivo em desnível e passarelas nos quilômetros 41,29; 42,75 e 43,75.

“Importante saber que algo está sendo feito para atender aquela comunidade, mas continuarei cobrando incessantemente os órgãos competentes para que os projeto saia do papel. Não podemos aceitar pedágios com preços exorbitantes, enquanto pessoas se arriscam e até mesmo perdem suas vidas por falta de segurança que deve ser garantida pelo poder público”, assinala Flavinho.

LEGENDA:

Motoristas e pedestres se arriscam ao cruzar a rodovia

(foto: rodovia)

Divulgação

Legenda2

O vereador Flávinho Maiorky: “ (…) situação atual daquele trevo é insustentável”

(foto: Flavinho