Auxílio emergencial 2021 negado pode ser contestado pelo aplicativo

Iniciativa visa facilitar envio de pedidos quando benefício for indeferido ou negado.

Edital Concurso Brasil


Entre as mudanças no auxílio emergencial 2021, está a restrição de pagamento para somente uma pessoa de cada unidade familiar. O benefício deverá ser pago em quatro parcelas de R$ 150, R$ 250 e R$ 375, a depender de cada família. O crédito deverá ser feito entre os meses de abril e julho de 2021.

Contestação do auxílio emergencial

Com o intuito de facilitar o envio dos pedidos, a JFRS modificou a forma de contestação do auxílio emergencial 2021, podendo ser feito diretamente no app Caixa Tem. Em forma de liminar, a decisão foi emitida pela juíza Daniela Cristina de Oliveira Pertile Victoria.

O governo federal deverá implementar a função dentro do prazo de 30 dias. A alteração deverá ser criada pela Caixa e pela Dataprev, empresa de tecnologia vinculada ao Ministério da Economia.

De acordo com a medida provisória (MP) do programa social, não serão aceitas novas inscrições para recebimento do programa emergencial em 2021. Sendo assim, a lista de beneficiários será determinada por meio dos cadastros passados, segundo critérios de renda e outros previstos na MP.