Romanelli apoia projeto de lei que inclui religiosos no grupo prioritário de vacinação

Da Assessoria


O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB) subscreveu um projeto de lei que permite a inclusão de padres, pastores e demais sacerdotes no grupo prioritário de vacinação contra a Covid-19. “Os religiosos exercem uma atividade muito importante para a sociedade e precisam estar protegidos da doença”, disse na sessão de quarta-feira (24).

O projeto de lei foi proposto pelo deputado estadual Homero Marchese (Pros) e também recebeu adesão dos deputados Gilson de Souza (PSC), Márcio Pacheco (PDT), Alexandre Amaro (Republicanos) e Cantora Mara Lima (PSC), Ricardo Arruda (PLS), Mabel Canto (PSC), Dr Batista (DEM), Emerson Bacil (PSL), Luiz Carlos Martins (PP), Boca Aberta Jr (PROS).

“Os sacerdotes desenvolvem atividade essencial e, em época de enorme necessidade de amparo espiritual causado pelo medo e pelo luto, mantém-se na linha de frente atendendo à população com proximidade”, traz o texto do projeto que está em tramitação na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

PROFESSORES E SEGURANNÇA – Romanelli também defende a inclusão de professores, trabalhadores da educação e agentes de segurança no grupo prioritário de imunização.

“Sabemos que há uma regra do Plano Nacional de Imunização, mas considero fundamental fazer esta defesa de profissionais e de religiosos que estão todos os dias expostos ao coronavírus para dar amparo à sociedade”, frisou o deputado.