Veja como realizar a consulta do auxílio emergencial em um minuto

Veja como fazer para consultar se você terá direito às novas parcelas do auxílio emergencial confirmadas para os próximos meses.

Edital Concursos Brasil


As novas parcelas do auxílio emergencial começam a ser pagas a partir de 1° de abril, mas muitos brasileiros ainda não sabem se terão direito a elas. Na última sexta-feira, 19, a Dataprev informou como trabalhadores informais podem descobrir se foram aprovados para a nova rodada.

A consulta será realizada pela internet, no site https://consultaauxilio.dataprev.gov.br/. Basta informar os seguintes dados e enviar a solicitação: CPF, nome completo, nome da mão e data de nascimento.

O auxílio emergencial em 2021 será pago somente aos que foram aprovados em 2020, não havendo prazo para novas inscrições. No entanto, o governo reduziu o número de beneficiários por meio de um cruzamento de dados, o que significa que milhões de cidadãos foram excluídos da nova rodada.

Aqueles que recebem Bolsa Família ou estão inscritos no Cadastro Único de Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) não precisam realizar a consulta, já que irão receber o benefício automaticamente.

Novo auxílio emergencial

O benefício contará a princípio com quatro parcelas, pagas entre abril e junho. Os valores serão definidos conforme a composição familiar do aprovado, de acordo com as regras abaixo:

  • R$ 150 para pessoas que moram sozinhas;
  • R$ 250 para famílias com duas ou mais pessoas; e
  • R$ 375 para famílias chefiadas por mães solo.

As regras para ter acesso ao auxílio emergencial continuam sendo as mesmas: famílias com renda por pessoa de até meio salário mínimo (R$ 550) ou renda mensal total de até três salários mínimos (R$ 3.300).

Atualização do Caixa Tem

A Caixa Econômica Federal solicitou recentemente que os usuários do aplicativo Caixa Tem atualizem seus dados na plataforma. O objetivo é “oferecer mais segurança, vantagens e praticidade aos clientes”, disse o banco estatal.

A atualização não é um requisito para recebimento do auxílio emergencial ou Bolsa Família, nem tampouco é obrigatória. Vale destacar que a Caixa não solicita nenhum tipo de dado por e-mail, SMS ou outro meio, por isso, informe seus dados somente no aplicativo.