Municípios com piores números da Covid têm médicos como prefeitos

Ibaiti e Jacarezinho são administrados por profissionais da Medicina, mas conhecimento dos gestores não amenizou efeitos da pandemia

Da Redação

Ibaiti e Jacarezinho são os municípios da região que apresentam os números mais preocupantes da Covid-19. Ironicamente ambos têm médicos como prefeitos municipais neste ano de pandemia. 

Em tese, ter um profissional da medicina na gestão do município deveria trazer alguma vantagem no enfrentamento à pandemia. Na prática, porém, não foi o que aconteceu. Ibaiti, que tem como prefeito Antonely de Carvalho, o Dr. Antonely (Republicanos), e Jacarezinho, onde o chefe do Poder Executivo é Sérgio Eduardo de Farias, o Dr. Sérgio (DEM), apresentam, respectivamente, o maior número de mortes e o maior número de casos de Covid-19 entre todos os municípios da região.

Ibaiti, de acordo com a última atualização do boletim epidemiológico da prefeitura local, tem 21 mortes causadas pela Covid-19 e é o município da região com maior índice de mortalidade da doença. No total foram 619 casos confirmados da doença. 
A título de comparação, Santo Antônio da Platina, dona da maior população na região (com 15 mil habitantes a mais que Ibaiti), tem 20 mortes e 848 casos diagnosticados de Covid-19, até a atualização mais recente dos dados. 

Já Jacarezinho apresenta o maior número de casos totais de Covid-19 desde o início da pandemia, com expressivos 1.414 registros da doença até a última publicação da secretaria municipal de Saúde com os dados referentes a pandemia. Segunda maior população da região, o município contabiliza 16 mortes de pacientes infectados pelo vírus.

O número de infectados foi tão grande que durante os últimos meses três postos de saúde do município precisaram ser interditados por surto de Covid-19 entre servidores.  Medidas de maior rigor de isolamento social foram sugeridas pelo Comitê de Enfretamento à Covid-19, porém não foram efetivadas pelo prefeito. 

Dr. Antonely foi reeleito para seu segundo mandato como prefeito de Ibaiti enquanto Dr. Sérgio conclui agora o segundo mandato consecutivo como gestor, porém não conseguiu eleger um sucessor do mesmo grupo – seu candidato, o também médico Luiz Antônio Setti (PSL), ficou em último lugar na disputa pela prefeitura de Jacarezinho e foi dono da pior votação proporcional em toda a região com 1,21% dos votos.