Economia

Empresária é homenageada pela Câmara da Mulher

Antônia Cruz da Silva de Souza foi a homenageada

Assessoria CMEG

Homenageada Antônia Cruz da Silva de Souza exige troféu Mulher Empreendedora 2019

A Câmara da Mulher Empreendedora e Gestora de Negócios (CMEG) de Jacarezinho, entregou durante breve cerimônia na noite desta terça-feira (15) no auditório da unidade do Sesc Jacarezinho, o prêmio Mulher Empreendedora 2019 para Antônia Cruz da Silva de Souza. A premiação era para ter acontecido em Março, mas devido a pandemia foi adiada e remarcada para que cada Câmara fizesse a entrega individualmente para evitar aglomerações.

Presidente do Sindilojas de Jacarezinho, Mara de Mello Moraes ao lado da homenageada Antônia Cruz da Silva de Souza, presidente da Câmara da Mulher de Jacarezinho, Carla Bianca Almeida e presidente da ACIJA, Ana Carla Molini

A breve cerimônia contou com participação das empresárias componentes da Câmara da Mulher da cidade, além do gerente executivo do SESC Jacarezinho, José Dimas Fonseca e do gerente executivo do SENAC Jacarezinho, Antenor de Matos Pinheiro. O troféu foi entregue pela presidente do Sindilojas de Jacarezinho, Mara de Mello Moraes, que representou o presidente do sistema Fecomércio, Sesc Senac Paraná, Darci Piana.

Presidente da Câmara da Mulher de Jacarezinho, Carla Bianca Almeida entrega buquê para homenageada Antônia Cruz da Silva de Souza

A presidente da Câmara da Mulher de Jacarezinho, Carla Bianca Almeida fez a entrega de um buquê para a homenageada. Após os breves discursos da presidente Sindilojas de Jacarezinho e da Câmara da Mulher de Jacarezinho, a homenageada pode expressar toda sua gratidão aos presentes no recinto.

Antônia Cruz da Silva de Souza tem 54 anos, é casada há 27 e mãe de três filhos. Na infância teve seu primeiro contato com o comércio quando vendia pulseiras para seus amigos do colégio. “Hoje vejo que desde sempre

Homenageada Antônia Cruz da Silva de Souza recebe troféu das mãos da presidente do Sindilojas de Jacarezinho, Mara de Mello Moraes

Deus envia sinais do que seria minha vida profissional”, disse Antônia.
Com o passar dos anos, Antônia trabalhou como sacoleira com compras na grande São Paulo. Ela ainda cursou pedagogia na Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP), onde aproveitou o ambiente para vender seus produtos aos companheiros de universidade. Antônia teve uma pausa nas atividades do comércio no período da maternidade.

Tempos depois retornou a função de sacoleira e conseguiu abrir sua primeira loja. Ela já foi proprietária de duas lojas, no centro da cidade e próximo de sua casa, mas optou por motivos pessoais a manter somente um dos estabelecimentos. “Sou completamente realizada com o que faço”, afirmou.

Deixe um Comentário