Eleições Jacarezinho

Palhares adia agenda por problema de saúde do pai

Candidato a prefeito foi para Londrina para acompanhar o pai, Felipe Palhares, que enfartou durante a semana

Marcelo Palhares deve retomar campanha na segunda-feira

Da Redação


O candidato a prefeito de Jacarezinho, Marcelo Palhares (PSD), confirmou à Tribuna do Vale que adiou todas as agendas que faria no fim de semana para acompanhar o pai, Felipe Salvador Palhares, nos procedimentos que realiza em Londrina após ter sofrido um infarto no decorrer da semana. 

Felipão, como é mais conhecido, tem 69 anos e é funcionário aposentado da antiga Telepar. Durante a semana relatou um mal estar. Após os exames para Covid-19 testarem negativo, o pai do candidato a prefeito passou por uma bateria de exames que revelou o problema no coração. 

Encaminhado para Londrina, Felipe Palhares passou por um cateterismo e está estável e consciente, devendo repetir o procedimento em breve. Se houver a desobstrução completa das artérias, a tendência é que tenha alta médica logo na sequência. 

Marcelo Palhares deve retornar à rotina de campanha na segunda-feira, já na reta final da disúta eleitoral, que será decidida no próximo domingo (15). 

SEM SOLIDARIEDADE
Apesar do problema familiar, Marcelo Palhares continua sendo alvo de inúmeros ataques por parte de alguns adversários, especialmente Luiz Antônio Setti (PSL), que tem se dedicado quase que exclusivamente a agressões ao adversário via redes sociais. 

Os ataques também acontecem por grande parte do grupo político de Tina Toneti (PT), que mostra “apoio” em massa às publicações de Setti e repercutem nas redes sociais cada uma das acusações. 

A avalanche de agressões teve início após a divulgação de uma pesquisa devidamente registrada que mostra Palhares em primeiro lugar nas intenções de voto dos eleitores de Jacarezinho, com 38% da preferência do eleitorado. A candidata petista vem em segundo lugar, com 34%, enquanto Luiz Antônio Setti vem em terceiro, com 7%. 

Deixe um Comentário