Wenceslau Braz

Setor de Saúde vira maldição na campanha de Taidinho

Área foi problema nas duas gestões do ex-prefeito, que não consegue propor ações eficientes para setor 

Da Redação


“Para nascer em Wenceslau vai ter que pagar”. A frase dita pelo candidato a prefeito Atahyde Ferreira dos Santos Júnior, o Taidinho (PSD), durante uma entrevista de rádio é o reflexo fiel da falta de políticas públicas do ex-prefeito para a gestão da saúde do município. 

Taidinho, que foi prefeito de Wenceslau Braz de 2009 a 2016, sempre foi criticado pela qualidade dos serviços de saúde durante seus dois mandatos – o que influenciou diretamente na derrota de seu candidato a sucessão, José Gentil Gomes, que acabou em terceiro lugar nas eleições de 2016. 

Para se ter uma ideia do tamanho das críticas, foi durante o mandato de Taidinho que o Hospital São Sebastião, o único da cidade, teve o centro cirúrgico fechado, em 2013. Depois disso não nasceram mais bebês na cidade porque as pacientes são levadas para outros centros urbanos.

A marca do fechamento do centro cirúrgico acompanha a trajetória política de Taidinho desde então. A frase já citada no começo da matéria, inclusive, era um questionamento sobre o tema. A resposta, falada em visível tom de nervosismo, mostra que o assunto segue como uma grande pedra no sapato do político. 

Pior que isso, porém, demonstra que Taidinho segue sem ter maior conhecimento sobre um assunto que é primordial para a sociedade de forma geral. O ex-prefeito tem tentado até evitar o tema em conversas com eleitores, primeiro pelos questionamentos recorrentes sobre o hospital e segundo pela falta de propostas sólidas para o setor.< /span>

O depoimento de uma mãe que teve que realizar o parto de seu filho na cidade de Tomazina, dá o tom do clima na cidade e emociona a comunidade. Pior: o prefeito, num momento infeliz, diz em alto e bom tom que, se alguma mãe quiser dar a luz na cidade de Wenceslau Braz, tem que pagar.

O que agrava ainda mais a situação política do ex-prefeito é sua ausência nos debates com os adversários, que vem se caracterizam como uma postura de covardia, o que tem sido bem aproveitado pelos concorrentes. 


Deixe um Comentário