Ribeirão do Pinhal Turismo

Missão técnica da Rota do Rosário avalia percurso em Ribeirão do Pinhal

Grupo veio de Abatiá e seguiu para Ibaiti, percorrendo em média, 30 quilômetros por dia, a pé



Missão técnica da Rota do Rosário passou essa semana por Ribeirão do Pinhal
CRÉDITO: DIVULGAÇÃO/ROTA DO ROSÁRIO

Assessoria


Representante da Associação Turística do Norte do Paraná (Atunorpi) e parceiros do segmento turístico na região estão realizando a Peregrinação e Missão Técnica da Rota do Rosário. Nesta terça, 27, e quarta-feira,28, a missão passou por Ribeirão do Pinhal para o quinto trajeto que fará parte dessa expedição por caminhos rurais que visam desenvolver o turismo religioso na região. No Santuário do Divino Espírito Santo em Ribeirão do Pinhal os peregrinos foram recebidos pelo padre Dijama Fernandes de Lima, pelo prefeito Wagner Maritns (PSD) e pelo secretário de Esporte, Turismo e Lazer, Lucas Rosa Adriano.

O grupo veio de Abatiá e seguiu para Ibaiti, percorrendo em média, 30 quilômetros por dia, a pé. Segundo o consultor da Atunorpi e do Coletivo Pratique Turismo Regional, João Gouveia Cézar, esse mapeamento dos trajetos que os peregrinos poderão percorrer tem objetivo de promover a interligação entre os santuários para identificar e desenvolver pontos comuns. “O Estado tem a Rota do Rosário como principal produto para desenvolver o turismo na região do Norte Pioneiro, destacando o papel de evangelização e potencial turístico, preparando o caminho com sinalização turística e um programa de anfitriões locais para proporcionar oportunidades de negócios aos produtores rurais e comerciantes da cada localidade”, explicou Cézar.

O padre Celso Miqueli, está à frente da coordenação da Rota do Rosário, desde sua criação, e também faz parte do grupo de peregrinos que desenvolvem esse mapeamento. “Essa expedição para mapear a Rota do Rosário é uma parceria entre a Diocese de Jacarezinho e a Atunorpi que visa estimular uma nova proposta de evangelização envolvendo todos os 14 Santuários da Diocese e percorre 17 municípios, para proporcionar um caminho de fé numa experiência com a natureza, consigo mesmo, com outras pessoas e principalmente com Deus”, ressaltou.

A guia de turismo Mariana Aparecida de Oliveira Schendroski, mais conhecida como Mari Turismo de Sapopema, tem experiência de 12 anos na atividade de organizar grupos para turismo na região, está encantada com o que tem visto e o potencial que existe a ser explorado. “Sempre quis conhecer melhor a Rota do Rosário e essa oportunidade está sendo fantástica. Acho muito importante agregar valor ao turismo local e valorizar o produtor rural que tem muito a oferecer aos visitantes. Sonho em um dia transformar a Rota do Rosário em algo semelhante a ‘Santiago de Compostela’, porque vejo todo esse potencial aqui”, exaltou Mari.

Santiago de Compostela é uma cidade do Noroeste da Espanha internacionalmente famosa como um dos destinos de peregrinação cristã mais importantes do mundo, cuja popularidade possivelmente só é superada por Roma e Jerusalém. 

Deixe um Comentário