Jacarezinho Polêmica

Comportamento controverso de Tina gera críticas em redes sociais


Tina Toneti: comportamento controverso

Jacarezinho – Da Redação


O controverso comportamento da candidata a prefeita de Jacarezinho, Tina Toneti (PT), tem sido alvos de duras críticas nas redes sociais e causado polêmicas até entre aliados. O motivo principal é que a petista tem atacado adversários em questões onde ela própria, em sua vida particular, age como os adversários que são criticados.

Pelo menos três situações ilustram bem essa polêmica. A primeira são as seguidas falas de Tina Toneti sobre escolas públicas e que têm como alvo o candidato Marcelo Palhares (PSD), que recentemente abriu uma escola particular no município.  A petista, contudo, mantém o filho em um dos colégios privados de Jacarezinho.

A situação rendeu inúmeras discussões – não pela opção de matricular o filho no ensino privado, o que é direito de qualquer cidadão, mas pelas críticas indiretas ao ensino particular. Vale lembrar que existe outro candidato, Celso Rossi Júnior, vice na chapa de Luiz Antônio Setti (PSL), que também é proprietário de escola.

Outra crítica subliminar direcionada a Palhares diz respeito a frase “nossa campanha é do tostão”. A petista foi eleita por duas vezes em campanhas muito bem estruturas na época do auge do partido, quando havia recursos de sobra. Além disso, Tina costuma ironizar a ocupação do adversário, que é empresário, esquecendo-se que também já foi empresária.  No entanto a empresa da família foi a falência e deixou quase 30 funcionários sem receber os direitos.

Por fim tem circulado um vídeo onde a ex-prefeita afirma, durante uma sessão da câmara de vereadores, que se comprometeu a não ser mais candidata a prefeita.  Tina afirma categoricamente que não disputaria mais a prefeitura de Jacarezinho em uma tentativa de se defender do processo que culminou com sua inelegibilidade, conseqüência de uma reprovação de contas do Tribunal de Contas do Estado (TCE/PR) por excesso de gastos com publicidade no exercício de 2008, ano eleitoral onde a petista conseguiu a reeleição para o cargo.

Deixe um Comentário