Geral

Renovação Carismática nega ligações com candidato a vice-prefeito de Abatiá

O movimento da Renovação Carismática Católica (RCC) da Diocese de Jacarezinho, encaminhou nesta quinta-feira (8), à redação do jornal Tribuna do Vale, uma nota de esclarecimento a título de direito de resposta, na qual, nega qualquer ligação com o candidato a vice prefeito de Abatiá, Haroldo José Gobbo, acusado de recebimento ilegal do auxílio emergencial do governo federal, embora tenha declarado ao Tribunal Superior Eleitoral (TSER) patrimônio superior à R$ 500 mil.

Eis a integra do direito de resposta

RENOVAÇÃO CARISMÁTICA  CATÓLICA DA  DIOCESE DE JACAREZINHO, por intermédio de seu advogado que esta subscreve, vem, com a habitual vênia, com fulcro no art. 5º, inciso V, da Constituição Federal de 1988, bem como na Lei nº 13.188/2015, exercer o direito de resposta atinente a matéria publicada neste jornal no dia 5 de outubro de 2020, com o título “Candidato a vice de Abatiá recebeu auxílio emergencial” e subtítulo “Haroldo Gobbo, lançado pela Renovação Carismática da Igreja Católica, declarou patrimônio de R$ 531,9 mil”, nos seguintes termos:

  1. A RCC da Diocese de Jacarezinho, movimento eclesial oficial da Santa Igreja Católica, à luz dos ensinamentos e diretrizes que regem a Igreja, informa que, ao contrário do exposto na matéria objeto deste direito de resposta, é apartidária;
  2. Dentro da estrutura da RCC, há vários ministérios que no exercício de seus dons, difundem a cultura de pentecostes, a promoção do bem comum e a dignidade da pessoa humana. Um desses ministérios chama-se Fé e Política;
  3. No ministério de Fé e Política da RCC, alguns de seus MEMBROS são indicados para disputarem cargos públicos eletivos, acompanhados pelos demais MEMBROS do movimento. O objetivo do ministério é atender o que ensina a Doutrina Social da Igreja, bem como visar políticas públicas que atendam o bem comum e a dignidade da pessoa humana;
  4. Ao contrário do exposto pelo Jornal Tribuna do Vale, o Sr. Haroldo Gobbo não pertence a RCC da Diocese de Jacarezinho, tampouco foi lançado pela RCC. De igual modo, ele não participou das formações exigidas pela RCC para que seus membros disputem cargos públicos eletivos;
  5. A RCC vem a público retificar a matéria publicada para consignar que no Município de Abatiá, a ÚNICA pessoa que integra o ministério de Fé e Política e é vocacionada pelo movimento é a Sra. Sirléia Reginaldo, atual vereadora e candidata a reeleição;
  • Por fim, a RCC esclarece que não lança nenhum tipo de candidato(a) e nem apoia qualquer partido político. Os candidatos são lançados exclusivamente por partidos políticos, conforme posto pela legislação vigente. O que a RCC faz nos pleitos eleitorais se restringe a formações à luz dos ensinamentos e diretrizes da Igreja Católica para que seus MEMBROS, caso eleitos, exerçam seus cargos públicos eletivos em observância as leis vigentes, ao Santo Evangelho e em prol dos mais necessitados.

Santo Antônio da Platina/PR, em 8 de outubro de 2020.

JÉFONI NOGARI

OAB/PR 102.317

SÍLVIA FABRICIA PEREIRA PIRES COORDENADORA DA RCC DIOCESE DE JACAREZINHO

ELISANA GOMES DE PAIVA OLIVEIRA COORDENADORA DIOCESANA MINISTÉRIO DE FÉ E POLÍTICA

Deixe um Comentário