Santo Antônio da Platina

Número de casos confirmados de Covid-19 em Santo Antônio da Platina dobra em 20 dias

Cidade salta de 25 casos ativos registrados no dia 24 de junho, para 51 casos passíveis de transmissão 

Cidade saltou em 20 dias de 51 casos confirmados para 165 positivados com a Covd-19
(foto: santo Antônio da platina) CRÉDITO: ARQUIVO

Dayse Miranda, especial para Tribuna do Vale


O município de Santo Antônio da Platina segue em curva ascendente do Covid-19 e dobra o número de casos ativos (com possibilidade de transmissão) em 20 dias. Neste período, o município saltou de 51 casos confirmados (sendo 25 ativos), para 165 confirmados (sendo 51 em fase ativa da doença). Além disso, os casos em investigação, mantém-se numa média diária de 200 casos/dia – durante este mesmo período. A Secretaria Municipal de Saúde tem realizado diversas ações para achatar essa linha de contágio, mas reitera que sem a colaboração da população fica difícil vencer a doença.

A responsável pela pasta, Gislaine Galvão, detalha que a equipe está focada na assistência, em fazer o possível com a participação dos agentes de saúde na transmissão domiciliar, quando um paciente é suspeito ou infectado. “Entre as ações, estamos realizando blitz de orientações constantes, carro de som intensificado as recomendações com a participação do Corpo de Bombeiros e Polícia Militar, multas frente ao descumprimento do Decreto, 15 dias de restrições no comércio, programa de rádio três vezes na semana. Estamos fazendo o possível”, detalhou a gestora.

1º CASO NO COMÉRCIO

Galvão anuncia que ontem, 13, foi registrado o primeiro caso de Covid-19 relacionado a transmissão no comércio local e alerta para a manutenção dos cuidados. “A maioria dos casos confirmados está relacionada com festas e encontros nos fins de semana, que muitas vezes nem chegamos a ter ciência. Os comerciantes têm seguido as medidas de forma correta, e com as devidas restrições”, pontuou.

A pasta da Saúde descarta inicialmente a implantação de medidas mais rigorosas no momento, como o toque de recolher, por exemplo.

MAIS MÉDICO

A secretária de Saúde divulgou que estão reforçando a sentinela com a contratação de mais um médico. E alerta à população para que ao sentir qualquer sinal leve sintomático procurar uma unidade de saúde para não chegar tarde demais. “O poder público tem tomado todas as medidas. Se cada um colaborar, se proteger o possível com máscaras, lavando as mãos com água e sabão conseguiremos melhorar essa curva”, disse.

CUIDADO

Gislaine aponta que o maior perigo está entre as pessoas que se encontram com acompanhadas sem o uso de máscaras. “Sempre pensam que não vai acontecer porque a pessoa é meu conhecido. O Covid-19 é algo muito difícil de conter, porque é viral. Estamos fazendo o possível. Com a Ação Integrada de Fiscalização Urbana (Aifu) já conseguimos observar redução nas notificações em bares”, finalizou.

Deixe um Comentário