Geral

Banco Central alerta população sobre golpes

Os golpistas estão cada vez mais criativos, e algumas pessoas acabam caindo em grandes golpes. Confira a ferramenta do Banco Central que pode te ajudar a não cair em um!

Por Bruna Machado

Aquelas ofertas que prometem disponibilizar empréstimos rápidos, fáceis e sem burocracia, normalmente são golpes. Visando a proteção do cidadão nessas situações, o Banco Central disponibiliza em seu site uma ferramenta que permite que a população veja se aquela instituição financeira tenha autorização para funcionar.

Para executar a consulta, é necessário acessar o site e fazer o preenchimento do campo que solicita nome ou CNPJ que está prometendo o empréstimo, e em seguida, clicar em pesquisar.

Se a instituição não compor a lista autorizada pelo Banco Central para funcionar, irá aparecer a mensagem “Nenhuma instituição encontrada”.

Se for autorizada, aparecerá os dados como o endereço do site e o número do telefone e dessa forma o cidadão poderá buscar outras informações, de forma direta, com o banco ou a financeira.

O golpista, às vezes, utiliza o nome de um banco autorizado e solicita um pagamento adiantado para depois dar o acesso ao credito.

Nenhum banco ou financeira solicita pagamento antecipado para fazer a liberação do crédito, alerta o Banco Central.

Maria da Graça Pimenta, auxiliar de serviços gerais, acabou caindo no golpe do empréstimo. A proposta do dinheiro chegou em nome de uma financeira conhecida. Maria fez o depósito de R$ 450 esperando que depois teria o empréstimo liberado, porém, não conseguiu mais contato com o banco através do WhatsApp.

“Usaram o nome de uma financeira que eu já conhecia e já tinha feito empréstimo consignado em folha. Só fui na financeira depois que eu já tinha sido vítima do golpe. Eu poderia ter me precavido e ido antes, mas não imaginei que poderia ser um golpe. Levei o comprovante do envio do dinheiro na financeira e me disseram que não era de lá”, disse Maria das Graças, auxiliar de serviços gerais. Ela ainda contou que, agora, só faz empréstimos no banco em que tem conta, e pessoalmente.

Peterson Ibairro, advogado que atua no direito bancário, disse que os golpes estão aumentando e estão sendo feitos com táticas simples, usando nome de bancos reconhecidos, e também táticas complexas, como montar ambientes parecidos aos escritórios e call centers com objetivo de gravar vídeos e demonstrar legitimidade ao golpe.

O advogado relatou que já aconteciam diversos golpes, mas com a pandemia, o número aumento, agora os golpistas já utilizam SMS, redes sociais e até mesmo WhatsApp para aplicar os golpes. O maior tem sido o do empréstimo, pois como muitas pessoas estão passando por dificuldades financeiras, no desespero, acabam caindo.

Peterson alerta também a importância de seguir as medidas de segurança. “A orientação é que as pessoas procurem informações na internet sobre as instituições, pesquisar inclusive no consumidor.gov, ferramenta do Governo Federal. A consulta ao Banco Central eu diria que é a mais importante. A empresa que vai fazer o empréstimo tem que ter uma sistemática legalizada e regularizada junto ao Banco Central”, detalhou.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Uia!!!