Educação

“IFPR em Ibaiti será importante para a educação do norte pioneiro”, diz Zeca Dirceu

Nesta semana, o Secretário de Educação Profissional e Tecnológica (Setec), Getúlio Marques Ferreira, recebeu representantes de Ibaiti que reivindicam um Instituto Federal para o município. “Ibaiti é um polo regional, a instalação de um IFPR será muito importante”, afirmou o vice-prefeito Ulisses Mingote.

Getúlio Marques Ferreira durante a reunião com representantes de Ibaiti – Foto: Divulgação

Além da articulação do deputado federal Zeca Dirceu (PT-PR), estiveram na Setec, o deputado estadual Professor Lemos (PT); seu assessor em Ibaiti, Pedro Teixeira; assessora de Zeca Dirceu, Samara Soares e o vice-prefeito de Ibaiti, Ulisses Mingote. O vice-prefeito também agradeceu à dedicação de Zeca Dirceu; do presidente da Itaipu, Ênio Verri; e ao deputado estadual Professor Lemos.

“Conversei com o ministro Camilo Santana (Educação) e com técnicos do MEC e a proposta do presidente Lula (PT) é criar 100 novos institutos federais e um deles deve ser em Ibaiti. É o que defendo. O lançamento da criação desses novos institutos será ainda no primeiro semestre deste ano”, completou o deputado.

 Zeca Dirceu também se reuniu com o secretário de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação, Getúlio Marques Ferreira. Além da expansão das unidades dedicadas à formação de tecnólogos e profissionais, Zeca Dirceu também a autonomia dos seis campis classificados como avançados no Paraná.

Os institutos federais foram criados em 2008 durante o segundo governo Lula e marcaram o início de um projeto inovador e estruturante para a educação do Brasil. Atualmente, no Paraná, o IFPR está presente em 28 cidades: Arapongas, Assis Chateaubriand, Astorga, Barracão, Campo Largo, Capanema, Cascavel, Colombo, Coronel Vivida, Curitiba, Foz do Iguaçu, Goioerê, Irati, Ivaiporã, Jacarezinho, Jaguariaíva, Londrina, Palmas, Paranaguá, Paranavaí, Pinhais, Pitanga, Ponta Grossa, Quedas do Iguaçu, Telêmaco Borba, Toledo, Umuarama e União da Vitória.

São 20 campi, seis campi avançados e quatro centros de referência no Paraná. Mais de 29 mil estudantes estão matriculados em 310 cursos de diferentes níveis: técnicos, de graduação, de qualificação profissional e de pós-graduação. Os IFPRs tem, 1.430 professores e 965 técnicos administrativos.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Uia!!!